Comentários Pessoais...


Queridos amigos,

Ontem ao chegar em casa minha esposa me contou sobre uma entrevista realizada, em um programa televisivo, com uma médium que se colocava como Espírita. As informações que ela me passou, mostraram claramente, que a médium pouco entendia de Espiritismo, pra não dizer quase nada.

Não sei porque razão mas fiquei muito chateado com esta situação, e com a desinformação e conceitos errados que são passados pela sociedade e a mídia sobre o Espiritismo (embora tenha também muita coisa boa e séria). Por isso, tomei a liberdade de escrever para o programa e colocar a minha posição sobre o assunto.

Acho que todos nós deveríamos fazer o mesmo, não apenas neste caso específico, mas sempre que percebermos algo denegrindo a imagem do Espiritismo, ou confundindo as pessoas. Já existe muita ignorância (ignorar = desconhecer) sobre este assunto, acho que é hora de tentarmos mudar isso.

Transcrevo abaixo o texto que enviei para a rede de televisão.

Muita Paz.

-------------------

Prezada sra Bongiovani e/ou produção do programa Bom Dia Mulher

Bom dia!

Escrevo-lhe, hoje, não na qualidade de telespectador assíduo, muito embora reconheça desde há muito tempo o profissionalismo e carinho com que são realizados seus programas.

Coloco-me, hoje, como colaborador, mesmo que um colaborador crítico. Porque a critica, construtiva e bem aplicada, nos auxilia na escalada rumo a perfeição, não é mesmo?

Em seu programa de terça feira passada, dia 14/10/08, foi apresentada uma Sra que se colocou como médium espírita. Ocorre que, durante o decorrer de seu programa, a referida sra apresentou claras evidencias de desconhecimento dos princípios básicos do espiritismo. Evidenciando, assim, sua posição não de espírita, mas de espiritualista.

Esclareço, em tempo, que espiritismo, espiritista ou espírita foram neologismos criados por Allan Kardec para expressar os adeptos da referida doutrina, como pode ser evidenciado na introdução do livro dos espíritos(LE) cap 1; e que por sua vez aceitam os princípios espíritas, à luz dos ensinos de kardec, os quais são: a crença em deus, a imortalidade da alma, a reencarnação, a comunicabilidade dos espíritos e a multiplicidade dos mundos habitados.

Desta forma, as pessoas que acreditam na imortalidade da alma, reencarnação, comunicabilidade e outros princípios espíritas, mas que não seguem nos termos da doutrina proposta por kardec, são espiritualistas ou esotéricos, ou umbandistas, ou de acordo com a religião que sigam, mas não são espíritas.

Infelizmente este erro acontece com muita freqüência no Brasil, o que levou até ao aparecimento de outro neologismo: espírita kardecista, o que é redundância porque só é espírita quem segue kardec.

Feitos os esclarecimentos necessários voltemos ao propósito real desta comunicação: solicitar que, ao serem apresentados os entrevistados, seja realizada uma verificação seria e profunda a respeito de suas qualidades e predicados, evitando assim exibir, em rede nacional, erros como os divulgados pela determinada sra.

Como exposto acima, varias de suas colocações estão em desacordo com as orientações da espiritualidade superior, codificadas por kardec. Entre elas podemos citar:

1- a referência a espíritos desencarnados como "alma", quando na pergunta n.134 do LE temos explicitado claramente que "alma" é a designação que se utiliza para referenciar o espírito encarnado, diferenciando-se assim do espírito desencarnado.

2- a referência à faculdade de escutar o que os espíritos dizem como sendo "psicofonia", quando está explicitado no livro dos médiuns(LM), segunda parte, cap 14, ponto 3, que a este tipo de faculdade dá-se o nome de "audiência", sendo psicofonia a qualidade que o médium tem de fornecer suas cordas vocais para que o espírito se expresse através da palavra vocalizada, ou seja, falando através do médium (LM, segunda parte, cap 14, ponto 4). Esta faculdade declarada pela médium, embora se utilize dela para escrever, é claramente audiência, da qual se utilizou também por varias vezes o saudoso Chico Xavier, mas nunca poderá ser classificada como "psicofonia".

3 - a referência sobre um desencarnado que supostamente está na cidade espiritual de nosso lar ficar na sua casa, convivendo com seus familiares, evidencia, no mínimo, uma leitura superficial da obra de André Luiz. No referido livro, quem leu deve se lembrar, o próprio André Luiz desejava ansiosamente retornar ao lar para rever a família, no que era orientado, pelo seu guia na cidade, a não ir. Passaram-se anos até que a espiritualidade superior achasse que ele tinha a mínima condição de realizar a visita e, quando ele finalmente recebeu a permissão, a experiência foi por demais perturbadora. A nova realidade de sua família, as vibrações divergentes entre os planos, e outras situações mais, fazem que seja pouco indicado aos espíritos desencarnados irem viver com suas famílias, sem a devida permissão e preparo para que suas energias não prejudiquem os encarnados. Em casos como este é muito mais provável que o espírito ainda não esteja evangelizado nem ligado a colônia nenhuma, e que não tenha deixado a casa desde seu desencarne.

Quero deixar claro que estas colocações não tem o objetivo de colocar em duvida as capacidades mediúnicas ou o conhecimento desta sra; apenas alertar este respeitável programa que tenha um maior cuidado e aprofundamento ao preparar uma matéria sobre espiritismo, até porque já existe muita divergência e confusão advindas de informações e conceitos errôneos, repassados por pessoas irresponsáveis e tendenciosas ao sensacionalismo.

Acredito que o jornalismo sério e com informações corretas e concretas, como o que tem sido apresentado por este programa, deve surgir para informar e direcionar a população ao esclarecimento sobre todas as áreas.

Sugiro que, em próxima oportunidade, possam ser chamados para entrevista sobre espiritismo pessoas com conhecimento de causa, tais como: Divaldo Franco, Raul Teixeira, Nestor Mazzotti, Carlos Baccelli etc.

Caso ainda reste alguma colocação estamos à disposição para contatos e aproveito para indicar um pequeno espaço virtual onde buscamos orientar e esclarecer sobre a doutrina espírita - http://bomespirito.blogspot.com

Abraços fraternos e muita paz.

Nenhum comentário:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...