Perguntas dos amigos...


Queridos amigos, bom dia.

Recebemos através do nosso formulário "Entre em contato" uma mensagem de uma amiga que nos escreve:
"...Temos um grupo de estudos espíritas e gostaria de informação do planeta hercólubus. Obrigada..."

Segue abaixo a resposta que enviei a nossa amiga para apreciação:

"Prezada ______________, boa tarde.

O tema hercólubus - também conhecido como marduk, nibiru, planeta x, planeta chupão, etc - tem se mostrado como um dos mais controversos dos últimos 20 anos. Por este motivo as deduções, fantasias, afirmações pseudo-científicas, comunicações espirituais e interplanetárias a seu respeito são inúmeras e nos deixam completamente sem uma base sólida para comentá-lo e, por este motivo, tudo que dissermos não passará de especulação.


Outro fator a se observar é que este tema é notadamente espiritualista/esotérico, e tem como um de seus maiores defensores e estimuladores o espírito Ramatis - a quem devemos nosso respeito pela sua elevada posição de mentor espiritual, porém que expressamente nao se declara espírita, e sim universalista.

O referido espírito chega inclusive a citar números relativos a quantidade de espíritos que serão afastados da terra e aos que aqui permanecerão, bem como citar inúmeros cataclismos e catástrofes que ocorrerão quando da suposta ocasião do encontro da aura energética deste planeta X com a terra. De acordo com os defensores da teoria o que percebemos na Terra hoje já é oriundo da aproximação deste astro.

De minha opinião pessoal o que estamos presenciando em nosso planeta hoje pode ter inúmeras explicações; uma delas poderá vir a ser esta aproximação energética/magnética de um astro novo no sistema solar; ou podem ser revoluções naturais de um planeta que tem sua crosta flutuando sobre magma e que de tempos em tempos precisa reorganizar esta crosta, aliviar a pressão do magma ou acomodar as camadas terrestres.

Em um caso ou em outro os efeitos serão os mesmos - terremotos, vulcões, tsunamis, etc. Apenas a causa seria diferente. E, neste caso, drasticamente diferente.

Some-se a este cenário cataclísmico o fato do desmatamento, do extermínio de espécies vegetais e animais, da exaustão dos recursos naturais, do efeito estufa e dos problemas na camada de ozônio e veremos que o Homem tem "procurado" durante seu curto percurso na Terra criar para ele mesmo muitos problemas - seja por ignorância ou por ganância e egoismo (LE 734/735) - E estes problemas, bem como seus efeitos que todos sentimos hoje, não tem nada a ver com o pobre do planeta X.

Percebamos assim que o aumento da temperatura do globo, o degelo da calota polar, o aumento do nível do mar, a modificação das correntes marítimas, o extermínio de espécies, a quebra do equilíbrio ecológico, as tempestades que assolam hoje o sul do país e a seca na europa são culpa sim da imprevidência do Homem que está cada vez mais perto do "ponto de não retorno" como nos fala Al Gore no documentário "uma verdade inconveniente".

Apenas para efeito de estudo (como você está em um grupo de estudo) poderemos perceber que esta teoria do planeta X não encontra respaldo na Doutrina Espírita; bastando para percebermos isto a análise do livro "A Gênese", no seu capítulo 9, nos ítens 13 e 14 especialmente. Transcrevo abaixo alguns trechos deste capítulo para uma melhor análise: "Deve-se igualmente lançar ao rol das hipóteses quiméricas a possibilidade do encontro da Terra com outro planeta. A regularidade e a invariabilidade das leis que presidem aos movimentos dos corpos celestes tornam carente de toda probabilidade semelhante encontro." e completando o estudo acho indispensável a leitura de "O Livro dos Espíritos" questões 728 a 741 e, porteriormente 172 a 188.


Kardec afirma ainda que "as maiores perturbações ainda serão causadas pelos homens, mais do que pela Natureza, isto é, serão antes morais e sociais do que físicas." o que não quer dizer que não ocorrerão modificações estruturais no planeta nem que na terra nunca mais haverá maremotos, vulcões, terremotos, etc; estes são movimentos geofísicos naturais do planeta e, certamente, serão instrumentos grandemente utilizados pela espiritualdade para a "limpeza" que nos espera no início do processo de regeneração; bem como também serão utilizados desastres de trem, de avião, epidemias de doenças, incendios, bombas, ataques terroristas, brigas familiares, batidas de carro, etc...

Gostaria ainda de lembrar que quem for pesquisar tal assunto vai encontrar diversas referências a uma passagem onde Chico Xavier teria falado e confirmado este "planeta chupão"; porém, devo confessar, que em minhas pesquisas apenas encontrei especulações a este respeito, sem nunca haver encontrado a indicação de em que livro ou revista esta suposta afirmação foi realizada.

Quero, por fim, lembrar que tudo que coloquei aqui é de opinião pessoal e que não represento a Doutrina Espírita em absoluto. Não me afirmo com a verdade nem retiro o direito de ninguém concordar ou discordar com tal ou qual teoria e acho muito justo que todos busquemos cada vez maiores informações para que possamos formar a nossa opinião após muito refletir.

Minha opinião segue a orientação da doutrina que devemos nos firmar em fatos - e fatos são as coisas que podem ser comprovadas cientificamente e por observãção repetida.

Espero ter sido de alguma ajuda para você e peço desculpas caso não tenha tocado no assunto como você desejava.

Paz contigo."

3 comentários:

Anônimo disse...

Os espíritas estão virando fundamentalistas iguais a alguns católicos, evangélicos e muçulmanos: "se não está na codificação não é verdade". Tudo a seu tempo, meus queridos. Nem toda informação pode ser passada, necessitando do momento certo. Para mim a codificação é só o beabá do espiritismo, assim como quando Cristo pregou por parábolas porque a gente da época não estava preparada.

Anônimo disse...

Ao ler kardec no livro a genesi esta esplicito no capitulo 18 final dos tempos, que um orbe sofre influencia sobro outro orbe em sua aproximaçao e que tal fato e natural no universo! Ramatiz comenta esta passagem de kardec neste capitulo dando prova que os espiritos em 1856 revelarem tal fenomeno logo tem fundamento o que esta escrito!! certo. temos que ler com mais atençao A GENESI!! LEIAM NOVAMENTE ATÉ AS FICHAS CAIREM!!! ABRAÇO!!

Anônimo disse...

Ótimo post amigo. Estava procurando na web onde é que Chico Xavier comenta sobre esse planeta, mas não acho nada... tá mais pra lenda que outra coisa.
Devemos realmente analisar todas as teorias, histórias e hipóteses que surgem a cada dia. Se vai contra a codificação básica, deve ser descartada. Não digo que não podemos aceitar coisas novas, pelo contrário. Um dos pilares da doutrina é a ciência, e ela está a cada dia sendo redescoberta. A questão é que tem muita coisa fruto da imaginação de outros ou simplesmente inventados com o intuito de se ganhar dinheiro (vendendo revistas, livros, palestras, etc, etc). Como saber quando isso acontece? passando pela peneira, simples.
A limpeza já está acontecendo gradualmente, não precisamos de nenhum planeta para chupar espíritos atrasados. Além do que, por que um planeta iria precisar se aproximar da Terra pra isso acontecer? os Espíritos não conseguem facilmente se locomover no universo, pela força do pensamento?

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...