Visita de espíritos, sonhos e sensações - Perguntas dos amigos...


Queridos amigos, bom dia.

Separei mais algumas das perguntas que recebí através do nosso formulário "Entre em contato" e estou postando abaixo para que possamos trocar idéias sobre os assuntos destacados:

"...Boa Tarde!Gostaria de saber sobre um sonho que eu tive e que significa.21/07/10 fez 4 meses que meu namorado faleceu.Serà que ele estava querendo me falar alguma coisa? Agora vou enviar o meu sonho!...No dia 7 de junho minha irmã viajou para o exterior, ela chegou là no dia 8 de manhã , era 7:45 da manhã ela me mandou uma mensagem, terminei de lê 7:46, coloquei o celular em outra cama e depois disso não vi mais nada, não ouvi os cachorros da vizinha latirem e nem o barulho da rua, era como se eu tivesse morrido,fiquei apagada das 7:46 atè as 9:47 da manhã.
O meu sonho foi assim... Eu sabia que estava morto e eu estava viva, estavàmosprocurando uma casa não me lembro se era para alugar ou comprar......
.......Depois senti um arrepio gelado dos pès a cabeça meu corpo foi formigando, então percebi que estava acordando; sei que acordei com sensaçao tão boa , tão calma,tão aliviada e em paz, agradeci a Deus por isso e fiquei o todo com essa sensação! Este foi o meu sonho!!...."


Segue abaixo a resposta que enviei a nossa amiga:

"Prezada ______________, bom dia.

Embora muitas pessoas e crenças afirmem que podem conhecer o significado dos sonhos, fazendo até interpretações específicas para certos acontecimentos, eu, de minha opinião pessoal, acho que é muito fruto da imaginação e da crença de cada um.

Allan Kardec em "o livro dos espíritos", questões 400 a 412, faz um estudo básico sobre os sonhos e os classifica, de uma forma geral, como sendo percepções de nosso espírito quando em estado de desdobramento e que, devido ao retorno ao corpo denso, não retemos mais que alguns fragmentos esparsos do que realmente vivenciamos enquanto desdobrados. (vale a pena o estudo destas questões)

Estes fragmentos muitas vezes despertam nossos sentimentos subconscientes e a nossa mente trata de "preencher" as lacunas entre eles, formando assim o que chamamos de sonhos.

Vamos ainda encontrar (no livro "estudando a mediunidade") a definição que existem 3 tipos de sonhos - Comuns, que são a repercussão de nossas disposições, Físicas ou psicológicas; Reflexivos, que são a exteriorização de impulsos e imagens arquivadas no cérebro; e Espíritas que representam Atividade real e efetiva do Espírito durante o sono.

E que em nosso dia-a-dia experimentamos todos os 3 casos, as vezes ao mesmo tempo.

Sua colocação dá margem para que possamos supor um encontro entre seu espírito desdobrado e o espírito do seu namorado - o que ocorre com mais frequencia e normalidade do que possamos imaginar - e neste encontro muitas coisas que você falou ou vivenciou foram apagadas com o retorno ao corpo físico (denso); por este motivo alguns momentos são preenchidos com lembranças outras ou com criações imaginativas - este é o processo de nossa mente física tentando "dar sentido" ao que não está completo, e isso acontece com todos nós.

Por este motivo não podemos ter a idéia de compreender o significado de nossos sonhos, eles são um caleidoscópio mental.

O encontro entre espíritos no mundo espiritual, por outro lado, é totalmente possível e passível de acontecer. Por este motivo, pode-se explicar o seu "desmaio" - ação fluídica do espírito para que você pudesse experienciar melhor o desdobramento - e também as lembranças mais nítidas - permissão da espiritualidade para que você tenha certeza que ninguém morre e que a vida continua em outro plano.

Acredito, porém, que deva tomar cuidado com as impressões e decisões que vier a tomar, pois é sempre bom lembrar que a interação entre espíritos desencarnados e encarnados pode vir a se tornar potencialmente danosa para ambos os lados, uma vez que os fluidos se tornam "incompatíveis" e que apenas com uma permissão especial e o conhecimento específico os desencarnados podem continuar convivendo conosco sem nos prejudicar fluidicamente.

Espero ter sido de alguma ajuda e caso tenha ainda alguma dúvida, não hesite em entrar em contato.

Paz contigo."

Em uma outra mensagem a mesma amiga nos envia:

"...Depois que ele faleceu, comecei a sintir coisas que eu nunca senti antes. Sinto arrepios gelados e calmo, uma parte do meu corpo fica toda gelada, tambèm sinto uma força muito grande do meu lado è como se ele estivesse perto de mim. Quero saber o porque que acontece isso. Muito obrigada! Fique com Deus!..."

No que respondi o que segue:

"Prezada Amiga, bom dia.

Sei, pelo que você me informou, que seu noivo desencarnou a pouco tempo, e acho importante salientar o seguinte:

O processo de desencarne é único para cada um de nós, mesmo nos casos onde desencarnam muitas pessoas em um mesmo local ou evento, o processo ocorre de um jeito diferente para cada um. Isto porque cada um de nós tem a sua exclusiva percepção e conceito de vida após a morte, como ta´mbém porque cada um tem seus méritos e deméritos que irão influenciar fortemente o pós desencarne de todos nós.

O tempo de adaptação à nova situação também vai depender de nossos conceitos e crenças pessoais, bem como de nossos comportamento nos momentos anteriores à morte do corpo físico; e todos nos ao desencarnarmos iremos levar os valores que tivemos enquanto encarnados - os gostos, os desgostos, as preocupações, as raivas, os amores, etc...

Digo isso porque é extremamente comum as pessoas que desencarnam desejarem permanecer próximas daquelas que amam e que permanecem encarnadas, pelos motivos mais diversos: amor, saudade, cuidado, solidão, medo, etc.

Esta proximidade do espírito desencarnado em nosso dia-a-dia, na maioria das vezes, traz estas sensações que você descreve - arrepios, energias, pensamentos constantes no desecarnado, entre outros - e muitas vezes estas sensações são agradáveis, outras desagradáveis. (podemos acompanhar um exemplo claro disso na novela "escrito nas estrelas").

Entretanto é importante esclarecer que esta convivência do espírito desencarnado com os encarnados nem sempre é benéfica. Pois as energias dos desencarnados é, na maioria das vezes, incompatível com a dos encarnados; e assim, em muitos casos, inicia-se um processo de obsessão passiva em que, mesmo sem querer, o espírito pode vir a prejudicar o encarnado.

Alguns espíritos, que precisam nos acompanhar - tipo espíritos guardiões, guias e etc - conhecem procedimentos fluídicos para que suas energias não nos prejudiquem, e nesses casos tem a permissão de estar próximos a nós.

Precisamos compreender, nós que permanecemos encarnados, que quando ocorre o desencarne é por um motivo justo e sério, representa, na maioria das vezes, o término de um ciclo e a oportunidade de experiencias necessárias para os que partem e os que ficam.

É importante, em todos os casos, a prática da oração pelos que partem e a prática do estudo do evangelho de Jesus, para que sua sintonia esteja cada vez mais alta e que possa ser orientada pelos bons amigos espirituais no melhor caminho e na melhor escolha.

O comparecimento e alguma casa de oração pode ser de grande auxílio e, não sei se você é espírita, mas caso seja acredito que deva buscar uma consulta espiritual numa casa séria, que será de grande valia e esclarecimento para você.

Espero ter sido de algum auxílio.

paz contigo."

Outra amiga nos escreve também sobre sonhos:

"...Esta semana tive três sonhos muito estranhos, não sei se devo levar emconta, pois estava passando por um processo de ansiedade, mas gostaria de relata-los e se vc puder me dar uma ajuda, eu agradeço!
Eu vou a um orfanato aqui perto de casa, pois...........com montanhas uma coisa linda e eu disse e não é que consegui....não lembro de mais nada...
João,desculpe o tamanho do emal, imagino o qto ocupado vc é, mas qdo puder me ajudar e se puder com estes sonhos, o que vc entende ou acha o que significam....eu agradeço muito.
Obrigado por toda a atenção dispensada, fique com Deus.
"


Segue a resposta enviada a nossa amiga:

"Prezada _____________, boa tarde.

O quesito sonhos sempre é um assunto que impressiona e ativa a curiosidade de todos nós, porque sempre queremos encontrar as respostas para os enigmas que eles apresentam.

Muitas pessoas afirmam poder conhecer os significados dos sonhos, mas eu, de minha opinião pessoal, acredito que não seja possível realizar tal afirmação sem cair em contradições e engodos.

Os sonhos representam, de acordo com o conhecimento da Doutrina Espírita, uma lembrança imprecisa daquilo que vivenciamos enquanto desdobrados do corpo, ou seja, enquanto o nosso espírito está parcialmente desprendido de nosso corpo adormecido (LE 400 a 412).

No mundo espiritual temos diversas experiencias, encontramos diversas pessoas/espíritos, recebemos esclarecimentos, orientações, somos perseguidos por espíritos que não gostam de nós (pesadelos), visitamos lugares agradáveis ou desagradáveis (de acordo com nossa sintonia), entre muitas outras coisas.

Tudo isso fica marcado em nossa memória perispiritual que registra cada minuto em nossas vidas; porém, normalmente, ao retornar ao corpo físico o nosso espírito "perde" muito desta lembrança devido a diferença vibratória entre os dois corpos - o espiritual e o físico - o que gera um esquecimento parcial de nossas esperiências extra-físicas e, consequentemente, sonhos partidos e imprecisos, sem um significado mais fácil de compreendermos.

Além disso, a nossa mente desperta tem a necessidade de "compreender" as coisas e como estas lembranças "truncadas" estão além de sua compreensão, ela subconscientemente acrescenta/completa estes sonhos com aspectos de nosso imaginário, lembranças e desejos, formando uma miríade de imagens e lembranças de dificil compreensão total.

Didaticamente afirma-se que temos os sonhos Comuns, que são a repercussão de nossas disposições, Físicas ou psicológicas; Reflexivos, que são a exteriorização de impulsos e imagens arquivadas no cérebro; e Espíritasque representam Atividade real e efetiva do Espírito durante o sono; em nossa experiencia de vida muitas vezes vivenciamos as três experiencias em um sonho só. - daí o motivo de ser praticamente impossível "decifrar" os sonhos.

Existem alguns casos - quando há a necessidade real de lembrarmos - em que a espiritualidade permite que tenhamos a recordação viva de parte de um sonho, ou de uma mensagem dada durante um sonho, ou, poucas vezes, de um sonho todo. - entenda que quando digo sonho quero significar expenriencia espiritual em desdobramento.

Um fato em seu sonho me chamou a atenção: no último sonho você estava acompanhada de um amigo espiritual, que conversava e orientava você e ao qual você não podia ver; isto é bastante comum em sonhos espíritas - reais - em que recebemos orientação de nossos amigos espirituais. Outras visões, tais como as crianças e o bebê também podem identificar partes de seu atual processo: tentativa de engravidar, e quem sabe não se encontra com o futuro bebê em desdobramento? - leia em "missionários da luz" o capítulo "o reencarne de segismundo" e o anterior a este também.

Em suma, querida amiga, busque absorver e filtrar de seus sonhos a mensagem principal, o significado geral que ele tem, e assim ficará mais fácil de entendê-lo. Não busque entender todos os detalhes, porque, acredito eu, é impossível, e se a espiritualidade achar necessário te dará a condição para tal.

Não deixe de acreditar em seu objetivo, nem de fazer tudo o possível para torná-lo realidade; una-se cada vez mais ao seu esposo e acreditem no amor e na união. isso faz milagres.

Paz contigo."


3 comentários:

Anônimo disse...

oi meu nome é maria, leu sempre mensagens espiritas , queria que vc me exclarecesse, meu sonho.. sonho muito com borboleta, sonhei com uma linda borboleta ela pousava em minha mao, depois ela voava e dava cria no ar , e ia nascendo outras borboletinhas que logo voavam no ceu, foi um sonho lindo .. so queria saber o motivo de meu sonho bjoss de luz , fiquem com Deus

Arthur Willian disse...

Olá amados irmãos...a 5 anos perdi meu pai...e a pouco tempo tive um sonho...sonhei que estava na cama de uma casa sombria que nunca vi na minha vida essa cama em que eu estava se encontrava no segundo andar da casa de frente para a escada que dava para o primeiro andar...do primeiro andar subiu uma criança dizendo eu sou uma fada eu sou uma fada e então se materializou repentinamente na criança uma imagem de horror aterrorizante....repentinamente meu pai chegou e sentou no pé da cama...e toda escuridão desapareceu dando lugar a luz do dia pois eu me lembro de olhar pela janela e ao invés de estar escuro como antes tornou-se dia e então abracei meu pai e choramos juntos e sem nenhuma palavra era como se pedissemos perdão um ao outro e ao mesmo tempo perdoassemos um ao outro pelas nossas diferenças na vida carnal ...depois desse momento emocionante iniciei um breve diálogo ...e perguntei pq aquela criança tomou uma forma aterrorizante e sombria e ele me disse que era um espirito doente e louco que estava perdido preso na terra....ele me disse que ve meu irmão jogar bola na praia de copacabana como quem pede para dar um recado (e meu irmão realmente joga) ... gostaria do aconselhamento dos irmãos para discernir se foi um sonho espiritual ...uma visita ou se foi algo da minha mente.... tambem ja sonhei com ele uma outra vez antes dessa em que ele me levou pra andar em um infinito campo de flores de diversos tipos e cores das quais nunca havia visto mas não me lembro de ter diálogado com ele....

aguardo resposta irmãos...que nosso senhor Deus abençoe a todos vocês !

Arthur Willian disse...

Olá amados irmãos...a 5 anos perdi meu pai...e a pouco tempo tive um sonho...sonhei que estava na cama de uma casa sombria que nunca vi na minha vida essa cama em que eu estava se encontrava no segundo andar da casa de frente para a escada que dava para o primeiro andar...do primeiro andar subiu uma criança dizendo eu sou uma fada eu sou uma fada e então se materializou repentinamente na criança uma imagem de horror aterrorizante....repentinamente meu pai chegou e sentou no pé da cama...e toda escuridão desapareceu dando lugar a luz do dia pois eu me lembro de olhar pela janela e ao invés de estar escuro como antes tornou-se dia e então abracei meu pai e choramos juntos e sem nenhuma palavra era como se pedissemos perdão um ao outro e ao mesmo tempo perdoassemos um ao outro pelas nossas diferenças na vida carnal ...depois desse momento emocionante iniciei um breve diálogo ...e perguntei pq aquela criança tomou uma forma aterrorizante e sombria e ele me disse que era um espirito doente e louco que estava perdido preso na terra....ele me disse que ve meu irmão jogar bola na praia de copacabana como quem pede para dar um recado (e meu irmão realmente joga) ... gostaria do aconselhamento dos irmãos para discernir se foi um sonho espiritual ...uma visita ou se foi algo da minha mente.... tambem ja sonhei com ele uma outra vez antes dessa em que ele me levou pra andar em um infinito campo de flores de diversos tipos e cores das quais nunca havia visto mas não me lembro de ter diálogado com ele....

aguardo resposta irmãos...que nosso senhor Deus abençoe a todos vocês !

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...