Acordar cansado, Sonhos e Influencias espirituais- Perguntas dos amigos...


Queridos amigos, bom dia.

Recebí através do nosso formulário "Entre em contato" as seguintes perguntas, às quais enviei as respostas que seguem abaixo:

"...Bom dia, João
Esta noite tive um sonho que me intrigou e, buscando na internet uma possível explicação, encontrei seu blog. Sonhei que andava de moto levando na garupa um espírito, que tenho a impressão que era desencarnado, e estivemos rodando sem destino e de modo que eu não podia me livrar dele, e digo me livrar porque não era algo que eu quisesse fazer, pois o sonho ocorreu no momento em que eu não estava completamente adormecido, de tal forma que, com a impressão de ter o sonho durado a noite toda, não pude descansar, o que aliás é coisa frequente: despertar-me cansado, por vezes mais do que fui dormir. Não sei definir se eu precisava estar com ele ou ele comigo. Fui dormir depois de ter bebido vinho e, estando levemente embriagado, poderia atrair espíritos que tenham necessidade de álcool? Uma vez, depois de ter um sonho muito convincente, no qual eu ajudava crianças recém-desencarnadas a entender o que estava acontecendo, recebi a explicação de que talvez realizasse sim um trabalho desse tipo. Isso é possível? Muito obrigado pela atenção..."


"_______________, bom dia.

Antes de tudo peço perdão pela demora em responder o seu email, mas tenho andado ocupado e pre-ocupado com alguns problemas particulares, o que, juntamente com as tarefas profissionais, tem me tomado mais tempo do que desejaria.

Os sonhos são o artifício da mente para que possamos compreender de maneira intelectiva os acontecimentos que se dão durante o desprendimento do espírito através do sono físico. Muitos deles, pela diferença vibracional entre o espírito e a carne física, são truncados e imprecisos, necessitando um trabalho extra de nossas mentes para preencher as lacunas.

Quanto mais nos lembrarmos com clareza de um sonho é melhor; pois significa que existe um motivo para que estejamos lembrando - resta-nos perceber qual é.

Durante o processo de desdobramento o nosso espírito, em liberdade, vai a locais e interage com espíritos pelos quais tenha afinidade. Se estivermos em sintonia alta estaremos ligados a espíritos mais evangelizados, o contrário também é verdade.

Quanto mais elevada estiver nossa vibração mais estaremos em contato com espíritos e acontecimentos de bom teor e qualdade, nos proporcionando a recepção de boas energias e a "recarga" de nossas baterias - neste caso mesmo que durmamos poucas horas acordaremos leves, tranquilos e descansados, pois o nosso corpo físico receberá as influenciações energéticas de nosso perispírito.

Quando, durante o sono físico, estamos acompanhados de espíritos menos evangelizados ou somos perseguidos por espíritos obsessores, o nosso sono é intranquilo e na maioria das vezes acordamos cansados e enfadados pelo contato com energias menos saudáveis e a influencia dos fluidos deletéreos sobre nosso perispírito atinge diretamente o nosso corpo.

Conheci um caso, inclusive, de um cidadão que acordava com uma dor cansada nas pernas e com uma sensação de fadiga e peso; tempos depois descobriu-se que ele, em desdobramento, era levado a caminhar grandes distâncias em companhia de espíritos menos evangelizados, o que afetava diretamente o seu corpo físico.

Quando ingerimos álcool, fumamos, nos drogamos, fazemos sexo sem respeito, etc, estamos atraindo para junto de nós os espíritos que se afinam com aquele ato/sentimento. Por este motivo é tão importante sempre estarmos "vigiando" como disse o Mestre. e, somos lembrados pelas palavras de Paulo apóstolo, "somos cercados por uma nuvem de testemunhas". Muitas destas testemunhas são atraidas por nossos próprios pensamentos e comportamentos.

Quanto ao fato de você interagir com encarandos e desencarnados durante o sono físico isto é perfeitamente possível e normal; todos temos nossos interesses e ocupações quando desdobrados e, de acordo com a vivência de cada um, temos estudos, trabalhos de auxílio e de desenvolvimento no mundo espiritual - quando acedemos a estes iteresses.

Espero ter sido de algum auxílio.

Paz contigo"

"...Ola meu nome é _________. Ultimamente tenho me sentindo estranho de novo. Digo de novo, pois há 10 anos me senti assim hj tenho _______ anos.
Com certeza é muito complicado explicar. Acho que a melhor maneira seria dar um exemplo do que acontece. Sinto que estou sendo vigiado, não bem vigiado, mas que estão me olhando e procuram alguma “coisa” de mim, ou em mim. Normalmente quando percebo isso me pego tendo pensamentos estranhos. Pensamento que vão contra ao que eu acredito, e as vezes muito bons, na verdade magníficos, me trazem paz e é como se me purificassem um pouco, em geral conselhos bons e ruins,, mas não parecem que são realmente meus...
Ultimamente esses pensamentos estão ficando muito, maisssss muito frenquentes. A primeira vez que percebi esse tipo de coisa foi a uns 10 anos atraz, fiquei um pouco paranoico e tomei alguns remédios, melhorei, mas percebi que os tais “pensamentos” não sumiram de vez então passei a ignora-los, e a maneira como eu penso, (as vezes refiro a mim mesmo como“nos” ou “agente” em vez de eu), , então sempre que eu percebi algo parecido do supra citado eu, não sei explicar, mas é como se eu forçasse os tais pensamentos ou sensações se afastarem de mim, ai é muito complicado explicar....
Tenho crises de choro, e estou suando muito nas axilas, indecisões sobre oq fazer, (faz isso faz aqui-lo, olha isso é ruim), ai que raiva me sinto manipulado
Esta sendo difícil me concentrar e fazer oq EU quero.
Busco auxilio pq estou mudando de carreira, e finalmente estou fazendo o curso dos meus sonhos, psicologia, mas como esses pensamentos estão fincando intensos de mais, até para eu ignora, e talvez eu não queira ignorar, pois quando eu o percebo, seguro a bebida, a mentira, o cigarro, e quando para de prestar atenção e me pego na “realidade” estou quase acendendo um cigarro, por exemplo, dai fica dificl não acender, se volto a minha atenção para os pensamentos, (exemplo, “acordaaa Thiago”, “olha, olha que vc esta fazendo, retome o controle”..) é difícil mas eu seguro a vontade, logo em seguida vem vários pensamentos runis brigando entre si. Parece minha intuição mas hoje em dia esta difícil de acreditar que seja só eu, eu em conflito comigo mesmo, ou talvez seja, não sei....
Ai tem muita coisa, estou muito confuso, e com medo de voltar a a minha atinga crise, apesar de antes eu estava bebendo muito, e usava drogas, mas isso faz 10 anossss atraz. Sei que não vou fazer aquilo tudo, mas estou com medo de tudo isso.
Tenho que ficar “perdoando” esses “espíritos”, esses pensamentos, por terem tentado me influenciarem a fazer oq eu na verdade não quero, e se faço isso a vontade simplesmente passa, ou dependendo do caso só diminui, normalmente vem seguida de um monte de pensamentos estranhos, e depois vem a minha crise de choro, um dor muito intensa sofro por algo ou alguém, não quero ve-lo sofrendo e não tem ninguém aqui. Sofro pelo oq estou ouvindo, quero ajudar, sofro por não poder ajudar, é demais, as vezes a dor é tão intensa que tenho q levantar e andar para conseguir aguentar, doi a gantar mas a dor é demasi eu fico literalmente sem ar....
Ta ai, eu sei muito confuso, mas for possível me dar um luz sobre oq esta acontecendo eu já iria agradecer!..."


"Prezado ________________, bom dia.

Gostaria de agradecer seu carinho e confiança em repartir comigo suas preocupações e histórico pessoal.

É importante, entreetanto, que antes de continuar a explicar algo do ponto de vista espírita eu deva colocar uma observaçao particular, percebida em suas próprias palavras. Você afirma que há 10 anos atrás "tomou alguns remédios" e aí pergunto: isto deve significar que você iniciou um tratamento psicológico/psiquiátrico e depois o abandonou? porque se for este o caso eu devo esclarecer que as Casas Espíritas Sérias e que estejam efetuando tratamento em alguém NUNCA orientam a esta pessoa que abandone o tratamento clínico que esteja recebendo, ao contrário elas orientam que este siga paralelo ao tratamento espiritual, para que ambas as partes - física e espiritual - estejam recebendo o tratamento indicado.

Perceba que normalmente existem situações de tal monta que problemas que atingem o corpo espiritual venham a ser somatizados no corpo físico, criando assim a necessidade de sermos auxiliados em ambos os aspectos.

Por isso, caso seja este o caso, aconselho a você que retome o seu tratamento para buscar o equilíbrio bioquímico do cérebro e do corpo. Falo isso porque você, como futuro profissional da área, deve conhecer os aspectos clínicos e, como pessoa que acredita na influencia espiritual, deve compreender os aspectos fluidicos.

Após esta observação posso prosseguir com algumas colocações, visando esclarecer, no âmbito espiritual, o que PODE estar acontecendo com você.

Allan Kardec em "o Livro dos Espíritos" a partir da questão 459 até 472 nos fala sobre a influencia dos espíritos desencarnados sobre os encarnados e, notadamente nas 460/461/464 nos esclarece sobre os pensamentos e idéias que nos são "enviadas" pelos espíritos que tentam nos influenciar.

É bom sempre termos em mente que os espíritos que se aproximam de nós para exercer sua influencia estão, podem, em sua maioria, ser caracterizados em dois grupos : Espíritos Obsessores e Espíritos Sintonizados (que não deixam de ser

Classifico aqui, apenas para efeito de melhor compreensão, que chamo de "obsessores" aqueles que nos perseguem por algum problema causado em existencias anteriores e de "sintonizados" aqueles que estão em sontonia conoscom por conta de nossos pensamentos e/ou comportamentos. Dá pra perceber a diferença?

Percebo em seu relato que você afirma receber tais pensamentos com muita frequencia e que os mesmos na maioria das vezes são contra o que você acredita ou deseja - só que também percebo que estes pensamentos estão mais frequentes quando você está envolvido com "a bebida, a mentira, o cigarro", etc. Então posso afirmar com alguma certeza que estes espíritos, ou alguns deles, sontonizam com você quando está realizando estes comportamentos e te acompanham depois, para que possam te influenciar a retornar aos mesmos atos e para que assim eles possam "vampirizar" ou prejudicar você de maneira fluídica.

Lembro também que em alguns momentos você pode sentir uma influencia benéfica com pensamentos "muito bons, na verdade magníficos, me trazem paz e é como se me purificassem um pouco" - é neste momento que alguém que te acompanha para te auxiliar, e gosta muito de você, está tentando te influenciar para o bem e te afastar destes comportamentos errados - e consequentemente das companhias erradas.

Perceba que, muito provavelmente, tudo está atrelado ao seu meio/estilo de vida e de comportamento. Você informou que bebe, fuma e já foi envolvido com drogas - talvez também tenha alguns desregramentos no campo sexual e comportamental - e que foi gerando para você mesmo uma psicosferar que foi atraindo espíritos que sintonizam com estes "desejos".

Todos temos um canal de comunicação com os espíritos, também chamado mediunidade, e quanto mais sintonizados ou influenciados estamos mais fácil se torna o acesso destes espíritos ao nosso campo mental.

Não estou dizendo com isso que você é medium - eu não tenho conhecimento para isso - porém é importante saber que toda pessoa sob forte influencia espiritual tem seus canais fluidicos excitados e fica mais propensa a sentir as influencias espirituais, principalmente dos espíritos que tenham forte sintonia com ele.

Desta forma, meu amigo, acredito ser de primordial importancia que você busque auxílio em uma casa espírita séria, orientada por Jesus e Kardec, para que possa ser realizada uma consulta espiritual e orientado um tratamento - que deve correr paralelamente com o tratamento clínico, se for o caso.

Não é fácil buscar o auto-aprimoramento. Não é fácil tentar vencer nossos defeitos e más inclinações, principalmente porque estaremos sendo alvos de influencias incessantes dos espíritos menos evangelizados - para ter sucesso neste objetivo é necessária ajuda dos amigos e, principalmente força de vontade.

Haverá dias em que tudo acontecerá para prejudicar o seu tratamento, para te tirar do sério, para interromper as boas influencias, e tudo isso vai depender EXCLUSIVAMENTE de seu esforço para dar certo. Mesmo com todas as boas influencias que você receber durante o tratamento, se você não se esforçar e fizer sua parte nada funcionará.

Espero ter sido ce alguma ajuda. Qualquer outra dúvida não deixe de entrar em contato.

paz contigo."

2 comentários:

Alexandre disse...

Resposta ao motoqueiro fantasma: http://mauespirito.blogspot.com/2010/09/motoqueiro-fantasma.html

Alexandre disse...

Resposta para a mente brilhante: http://mauespirito.blogspot.com/2010/09/uma-mente-brilhante.html

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...