Visitas noturnas dos espíritos - Perguntas dos amigos...


Queridos amigos, bom dia.

Recebí através do nosso formulário "Entre em contato" as seguintes perguntas, às quais enviei a resposta que segue abaixo:

"...Boa Noite!
Meu marido viu durante a noite dois vultos de criança em nosso quarto um menino e uma menina.Você sabe o que pode está acontecendo.Isso nunca havia acontecido...."


"Prezada _____________, bom dia.

Não podemos afirmar nada com exatidão em um caso com este.

As visitas entrre desencarnados e encarnados acontecem todos os dias, a todos os momentos, e pelos mais diversos motivos; portanto é naturam termos visitantes em nossa residência e, principalmente, durante o sono físico, que é o momento em que o nosso próprio espírito aproveita para entrar em contato com os espíritos desencarnados que necessitam falar conosco.

Não conheço sua vida ou do seu marido, não sei se tem filhos ou não, mas uma das possibilidades - e perceba que EXISTEM MUITAS - é que estes espíritos estivessem visitando a futura família, em um possível processo de reencarne.

Outra possibilidade é que sejam espíritos ligados a ele, ou a você, de outras existencias e que estivessem alí visitando e "matando" a saudade;

Ainda podemos citar o fato de, devido ao sono físico, seu marido haver se equivocado quanto ao que viu, podendo ter visto em sonhos e pensar que viu acordado - como não tenho muitos detalhes posso estar bastante errado, se estiver peço desculpas.

O importante é que você perceba que nada de mau poderá advir de uma visita espiritual, principalmente quando não aconteceu nada que indique isso. Tudo que pode nos perturbar ou prejudicar no mundo espiritual é aquilo que nós mesmos permitimos, através da sintonia fluídica/energética - pensamentos, culpas, remorsos, sentimentos negativos, etc.

Fique em paz e ore por seus visitantes, quem sabe talvez apenas seja isso que eles desejem.

Espero ter sido de algum auxílio.

Paz contigo."

"...Gostaria de recebeber
comentario, baseado em livros de andre luiz ou outro da pergunta 413 do livro dos espiritos..."


"Prezada ____________, bom dia.

Para que possamos ter uma idéia melhor sobreo que discorreremos posto abaixo o trecho do LE ao qual você se refere, ele está contido no capítulo 8º da segunda parte do Le, que fala sobre a emancipação da alma, notadamente as visitas entre pessoas encarnadas.

413. Do princípio da emancipação da alma parece decorrer que temos duas existências simultâneas: a do corpo, que nos permite a vida de relação ostensivas; e a da alma, que nos proporciona a vida de relação oculta. É assim?
R. “No estado e emancipação, prima a vida da alma. Contudo, não há, verdadeiramente, duas existências. São antes duas fases de uma só existência, porquanto o homem não vive duplamente.”

A pergunta parte do pressuposto que ao dormir a alma (espírito encarnado) se desloque do corpo, através de um processo chamado desdobramento, e passe a efetuar ações e ter pensamentos próprios, por vezes diversos dos que teria quando ligada em estado de vigília, ou seja, com o corpo acordado.

Devido a esta existência de interação do espírito acordado com o mundo e do espírito desdobrado com o mundo espiritual Allan Kardec pergunta se existem duas vidas - a material e a espiritual - para cada um espírito vivente e encarnado. Ele utiliza inclusiva as palavras "Ostensivas" - para designar as atitudes e ações que vemos dia-a-dia - e "oculta' - para designar as ações e atitudes que não vemos com os olhos físiscos, pois aocntecem no mundo espiritual.

A espiritualidade, muito sábia, responde que não existem duas vidas e sim duas fases em uma mesma existência; isto quer dizer que o espírito pode (e deve) interagir com os encarnados enquanto desperto e com os desencarnados enquanto desdobrado - isto é normal e acontece com todos nós, como veremos amplamente na Obra de André Luiz - observe-se para isso o livro "missionários da luz" ou "obreiros de vida eterna" onde são exemplificados diversos acontecimentos que tem como base o convívio de espíritos desencarnados com espíritos encarnados, conversando e trocando experiencias durante o sono físico.

É de vital importancia para os encarnados este processo de desdobramento, pois nele temos a oportunidade de retornar à pátria espiritual, mesmo que por alguns minutos ou horas, e entrar em contato com nossos guias, mentores ou outros espíritos que sintonizem conosco.

Nestes momentos recebemos orientações e esclarecimentos, forças para enfrentar as dificuldades, mas podemos também ser importunados por espíritos que nos perseguem (gerando pesadelos) e por espíritos que nos influenciam para o mal (de acordo com a nossa sintonia).

É importante percebermos que todos passamos por este processo diariamente e, por isso mesmo, é nossa inteira responsabilidade escolher quais espíritos iremos encontrar do outro lado; por isso devemos vigiar nossos pensamentos, atos e sentimentos, para que cada vez mais possamos sintonizar com os espíritos mais evangelizados.

Espero ter sido de algum auxílio.

Paz contigo."

Nenhum comentário:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...