Espíritas acusados de Mentirosos...


Queridos amigos, bom dia.

Recebí através do nosso formulário "Entre em contato" a seguinte pergunta, para a qual a resposta segue abaixo:

"... Vejam aqui a vergonhosa actuação de um espírita. Se mentem assim naquele blog, mentem em tudo.
São mentirosos. http://blogespiritismo.blogs.sapo.pt/128474.html ...."



"Prezada ________________, bom dia.

Confesso que li a materia indicada por você e não percebi nada demais no que estava escrito, a não ser que é um blog protestante, destinado a atacar o espiritismo.

Observando desta forma acho natural do ser humano que quando se defende um ponto de vista - no caso da autora do blog - ressalte e até distorça alguns fatos para defender sua idéia; como sempre digo podemos achar diversas citações pró ou contra algo, basta que procuremos, pois cada um encontra apenas o que está disposto a buscar.

Quanto a questão da mentira acredito que esta seja mais uma característica natural do ser humano que está crescendo e evoluindo sempre.

Perceba que encontraremos pessoas que mentem em todas as classes sociais, todas as raças, todos os países e, também, todas as religiões - basta para isto percebermos as afirmações de Jesus quando nos fala, citando o profeta Isaias, "Esse povo me louva com os lábios, mas o seu coração está longe de mim" em Mateus 15,8, ou mais tarde quando afirma "hipócritas" em Mateus 23,13-33 ; E naquela época não havia espíritas, mas hebreus "o povo escolhido".

Lembro ainda que não devemos julgar os atos de toda uma comunidade apenas por um indivíduo - acaso todos os portugueses são ladrões ou assassinos porque existem portugueses que são condenados por estes crimes em sua justiça?

Assim também existem espíritas mentirosos, bem como católicos mentirosos, protestantes mentirosos, pessoas que seguem, e outras que pregam, uma religião mas praticam atos errados - mas isto não quer dizer que todos são o que aquele é... e perceba que, repito, não ví erro ou mentira no trecho indicado no blog citado.

Quero lembrar ainda que, de acordo com as palavras do Cristo, "existem outras ovelhas que não são deste rebanho" - deixando claro que a diversidade das religiões e suas interpretações é uma das leis universais e que um dia teremos um só pastor - o Cristo de Deus compreendido em toda sua pureza e simplicidade, por todos nós que nos arvoramos de donos da verdade e queremos forçar a nossa escolha religiosa aos outros que pensam diferente, sem respeito ao livre-arbítrio de cada um e sem a mínima compreensão do significado de "vim para os doentes e não para os sãos".

Espero ter sido de alguma ajuda ao entendimento desta questão.

Paz contigo.

João Batista Sobrinho"

"... Exmo. S. João Sobrinho
???
Não viu nada demais?
Então mentir da forma que oqueeoespiritismo mentiu é bem visto por si?
O blog destina-se a atacar o espiritismo? Mas à luz da Palavra de Deus, certo?
Se o espiritismo não usasse textos biblicos distorcidos e retirados do contexto, o tal blog possivelmente nem teria bases para atacar a doutrina Kardecista.
Mas, caso não tenha percebido, o blog em questão, destina-se a pessoas que acreditam que a Bíblia é a Palavra de Deus e O buscam, sendo muitas vezes enganadas por doutrinas que não pregam o Salvador.
Aquilo que o seu irmão espírita fez foi usar insultos e mentiras na tentativa de descredibilizar quem escreve o blog, apoia isso?
Percebo pelo seu mail que também cita as Escrituras Sagradas, porque o faz se não acredita que é a Palavra de Deus?
Exmo. Sr. não estou a julgar os actos de uma comunidade por um indivíduo, mas por todos aqueles que lá têm comentado, espíritas professos que inclusivé têm blogues.
E, a julgar pelo seu comentário que não viu no texto nada de mais... quer que eu acredite que é melhor do que aldabrão que foi desmascarado?
Sabia que Jesus disse que quem pratica a mentira é filho do diabo?
Ou, para si, essa parte da Bíblia não é para ser levada em conta?
Deus nos livre dos mentirosos.
Só para o esclarecer, as ovelhas que não eram daquele rebanho (judeus) eram os gentios a quem seria estendida em Cristo a graça de Deus. É só contextualizar o versículo.
Saudações....."


"Prezada _____________, bom dia.

Sinceramente peço desculpas pelo fato mas, caso seja possível, poderia me indicar onde estão as mentiras?

Embora esteja consciente que sua opinião está formada e que nada do que disser aqui poderá acrescentar ou diminuir suas crenças particulares, responderei aos seus questionamentos irei tentar explicar melhor, à luz do espiritismo, tudo que você indicou, ok?

1) "O blog destina-se a atacar o espiritismo? Mas à luz da Palavra de Deus, certo?" - O blog se destina a atacar o espiritismo à luz da Religião da autora e de seus conceitos particulares, porque a palavra de Deus é pregada por muitas outras religiões (catolicismo, gnosticismo, ortodoxismo, etc) e com outros entendimentos. Como falei antes acho que tudo é fruto da interpretação de um grupo - e cada um interpreta de uma forma que lhe seja conveniente ou convincente, é direito de cada um- Inclusive, falando particularmente, eu não consigo acreditar que seja a interpretação correta condenar ou julgar alguém quando se segue um Deus que é amor e cujo filho orientou claramente "amai-vos uns aos outros".

2) "Se o espiritismo não usasse textos biblicos distorcidos e retirados do contexto, o tal blog possivelmente nem teria bases para atacar a doutrina Kardecista." - Novamente estramos no mérito da interpretação de cada um... Perceba que em um livro repleto de ensinamentos e sabedoria como a bíblia, que esteve sujeito a diversas alterações ao longo do tempo - comprovadas pela ciência da crítica textual - sempre vai poder ser origem de afirmações e versículos que, de acordo com a interpretação de cada um, poderá significar o que quiser... para ser mais claro vou utilizar um exemplo apenas: enquanto diversas pessoas apontam trechos na bíblia que negam e reencarnação podemos citar alguns que corroboram, tais como: João cap 3:1-12, cap 5:28, cap 9:1-12 e 14; Mateus cap 17:10 e 13, cap 11:14, cap 16:13 e 14; Lucas cap 12:59, cap 11:50 e 51, cap 12:51 a 53, Isaias cap 48:8, Malaquias cap 3:1, etc...etc...etc... Então é fácil perceber que cada um irá utilizar estes fragmentos para apoiar suas teses - de acordo com sua crença.

3)"Mas, caso não tenha percebido, o blog em questão, destina-se a pessoas que acreditam que a Bíblia é a Palavra de Deus e O buscam, sendo muitas vezes enganadas por doutrinas que não pregam o Salvador." - Realmente o blog é para pessoas que comungam da religião da autora e que crêem na mesma filosofia; Infelizmente talvez este engano ocorra nestes casos porque as pessoas ainda não sabem o que buscam e, na tentativa de encontrar a Deus, seguem por caminhos tortuosos e distantes, quando esquecem simplesmente do que Jesus nos ensinou "o reino de Deus está dentro de vós" e que o caminho é "fazer ao próximo o que deseja que seja feito a sí". Mas isto é tão simples que na maioria das vezes não acreditamos e achamos que necessitamos de alguém nos dizendo o que é certo ou errado - e esquecemos que Deus nos deu a consciencia para fazer isto. Quando passamos a aceitar a decisão dos outros ao invés da nossa perdemos o nosso rumo e pulamos de "orientador" em "orientador" até que encontramos um que se encaixe com o nosso nível moral/intelectual - isto é natural do ser humano.

Realmente a Doutrina Espírita não prega Jesus como o salvador nos termos de outras religiões; acreditamos que ele seja o "caminho da verdade e da vida" servindo de exemplo para que sigamos seus passos, e por isso não acreditamos que veio lavar os nossos erros mas nos orientar para que "a cada um seja dado de acordo com suas obras".

4)"Aquilo que o seu irmão espírita fez foi usar insultos e mentiras na tentativa de descredibilizar quem escreve o blog, apoia isso?" - o que o NOSSO irmão - porque TODOS somos filhos de Deus - fez foi uma opção dele - e a cada um é dado por DEUS o livre arbítrio sobre seus atos e pensamentos; entretanto, pelo contexto citado no blog, o texto já é uma réplica ou tréplica de citações anteriores - às quais não tive acesso e não sei se você teve - por isto, talvez, no contexto geral, o que foi escrito alí se aplique. De qualquer forma, repito, não se pode julgar todos apenas por um... Apoio que cada um deve ter a liberdade de se expressar e de se defender desde que não atinga a moral do outro; como também apoio que a autora do blog tenha o direito de apagar o comentário ao invés de publicá-lo; como também apoio o direito que ela tem de ter uma religião diferente da minha; compreende?

5) "Percebo pelo seu mail que também cita as Escrituras Sagradas, porque o faz se não acredita que é a Palavra de Deus?" - Como já disse antes, não acredito que a bíblia seja a "palavra de deus" inequívoca... mas SEI que ela é o maior e melhor repositório dos ensinamentos morais e evangélicos do Cristo - os quais não podem ser deturpados pelos homens ou seus dogmas - são eternos e imutáveis porque o BEM será sempre o bem. É neste sentido que utilizo citações - perceba que são citações do Mestre Jesus e que encerram em sí ensinamentos profundos. Não sei se você sabe, mas na questão 625 de "o livro dos espíritos" Jesus é indicado como sendo o nosso "Guia e Modelo IDEAL", então devemos fazer de tudo para seguir os seus passos, livres de preconceitos, de dogmas ou deturpações, seguir apenas o seu ensinamento puro e simples; o qual pode - e deve - ser obtido nos evangelhos - que não sao a "palavra de Deus" mas que foram, sem dúvida, escritos por homens inspirados por ele.

6) "Exmo. Sr. não estou a julgar os actos de uma comunidade por um indivíduo, mas por todos aqueles que lá têm comentado, espíritas professos que inclusivé têm blogues". - perdoe a franqueza, mas está sim! Ou quer que eu acredite que já conversou com TODOS os espíritas, de todos os centros, de todas as cidades, de todos os países e que já leu todos os blogues espíritas? Desculpe mas eu não acredito - Aproveito, entretanto, para convidar você para visitar o meu blog e analisar o seu conteúdo, de forma imparcial, e depois formar a sua opinião ao MEU respeito, porque por mim não poderá julgar todos.

7)"E, a julgar pelo seu comentário que não viu no texto nada de mais... quer que eu acredite que é melhor do que aldabrão que foi desmascarado?" - Infelizmente não conheco o cidadão citado, nem me julgo melhor do que ninguém, nem pior... Sou apenas eu mesmo, vivendo minha vida, cheio de defeitos e querendo aumentar as minhas virtudes. Jesus afirmou que veio "para os doentes" e eu, certamente" ainda sou muito doente da alma.

8)"Sabia que Jesus disse que quem pratica a mentira é filho do diabo?" - Eu acredito que você se refira ao texto contido em João 8:44 "Vós tendes por pai o Diabo, e quereis satisfazer os desejos de vosso pai; ele é homicida desde o princípio, e nunca se firmou na verdade, porque nele não há verdade; quando ele profere mentira, fala do que lhe é próprio; porque é mentiroso, e pai da mentira.", apenas devemos ter em conta o contexto social e da época em que ele estava inserido para compreendermos melhor o real significado que Ele desejava impor às palavras - Perceba a primitividade do povo com que ele estava lidando, neste contexto ele tinha que usar de palavras enérgicas e chocantes para fixar seus ensinamentos - que todo o mal tem uma fonte; Hoje nós temos a capcadade intelectual de compreendermos que o mal apenas prolifera dentro de nós porque encontra resíduo - a semente somente brota em terra preparada - porém através do processo de reforma íntima e seguindo os ensinamentos do Cristo podemos vencer estas más inclinações.

9)"Ou, para si, essa parte da Bíblia não é para ser levada em conta?" - no meu entendimento TODO o texto bíblico deve ser estudado - utilizando a razão - pois todo ele contém ensinamentos valiosos para nosso crescimento moral e espiritual; o que deve ser realizado, contudo, é um exame atento aos preceitos que se aplicam àquela época e os que são eternos - tudo que indica o bem, perdão, compreensão, fraternidade e o amor ao próximo é eterno e devemos seguir; o que nos indicar preconceito, prejuízo, intriga, violência, incompreensão ou qualquer outro sentimento e ato negativo que venha a prejudicar a mim ou ao próximo deve ser esquecido e jogado fora, porque não condiz com o Deus de Amor que eu acredito. Veja quantos erros já foram cometidos na história em nome de um Deus vingativo, separatista, dominador e ganancioso...

10)"Deus nos livre dos mentirosos." - Joao 8:7 "atire a primeira pedra aquele que nunca errou"

11) "Só para o esclarecer, as ovelhas que não eram daquele rebanho (judeus) eram os gentios a quem seria estendida em Cristo a graça de Deus. É só contextualizar o versículo." - Todos nós hoje somos "gentios" - aqueles que não professam a religião Hebraica; concordo com você é só contextualizar o versículo "no tempo e no espaço" e perceber que tudo muda e evolui, a interpretação dos textos bíblicos não pode ser diferente. Devemos nos inspirar em seus ensinamentos espetaculares, percebendo que alguns de seus dogmas são adequados apenas àquela realidade vivida pelos Hebreus há mais de 2000 anos.

Acredito que os gentios de hoje são todas as religiões que, no tempo correto, irão perceber que a raiva, vingança, desamor, preconceito, etc são sentimentos que não podem nortear uma religião e irão, certamente, se voltar para o ensinamento de amor do Deus criador do universo e viver fraternalmente com os seus irmãos, não importando a denominação, cor, raça ou credo; não importando se Deus é chamado de Deus, alá, jeová, tupã, Krishna, etc... tenho certeza que um dia o que vai importar é o que estará no coração de cada um.

Reitero, novamente, a afirmação que não tenho a pretensão de estar com a verdade, de te convercer de nada nem de formar seguidores para o espiritismo; apenas expresso em um espaço livre - e de minha autoria - as minhas opiniões pessoais que, certas ou erradas, são as que me norteiam nesta encarnação; e as quais acredito que você desejava conhecer, ou senão não teria acessado meu blog e enviado uma mensagem para mim.

Paz contigo."





3 comentários:

Socorro Melo disse...

Oi, João!

Até que enfim um tempinho pra uma visita... uff!

Gostei das suas colocações, muito nobres e inteligentes.Apropriadas.

Será que é tão difícil das pessoas entenderem que o fato de alguém estar professando uma fé, não significa que é uma pessoa verdadeiramente convicta e fiel?

Em todas as denominações religiosas existem pessoas fanáticas, mentirosas, confusas, problemáticas, e por isso não podemos analisar o todo pelas partes.

Grande abraço
socorro Melo

Anônimo disse...

Olá amigos,

Não tenho por hábito perder tempo em polémicas absolutamente estéreis como esta, - que nem polémica chega a ser! E muito menos tenho quaisquer veleidades de tentar falar à razão a pessoas que se encontram prisioneiras das trevas do fanatismo, da mono ideia, do ódio cego.

Excepcionalmente, e por constar deste blog, que tenho desde há muito no meu coração, fui ver do que se trata.

Confesso que não foi fácil, no emaranhado de discurso incoerente e panfletário, e tive que "peneirar" bastante para ver onde estão as famosas "mentiras" em pauta.

A montanha pariu então um ratinho, um camundongo anão que mal se vê:

- A "mentira" em questão, pelos vistos, é o aproveitamento infantil, tendencioso e canhestro de uma característica da Doutrina Espírita - de resto esclarecida por Allan Kardec em Obras Póstumas:

O Espiritismo é ou não uma religião?

---» FILOSOFICAMENTE, é uma religião.

---» FORMALMENTE, não é uma religião.

Como estamos esclarecidos à saciedade, o Espiritismo é uma doutrina filosófica de consequências morais e base científica, é fé raciocinada, e não possui os elementos que caracterizm as religiões tradicionais (sacerdócio, rituais, crença no Sobrenatural, profissionalismo, etc.). A religiosidade espírita é interior.

Pegar nesta característica e querer apelidá-la de "mentira", francamente, está ainda mais abaixo que o fanatismo inquisitorial dos católicos radicais do Monfort, que também mereceram atenção desmedida e desnecessária; ou do bispo Edir Macedo, que apela à liquidação física dos Espíritas.

Kardec trocou o alfabeto pela Ciência. Não troquemos nós a Ciência pelo alfabeto, queridos companheiros.

Não desperdicemos energias em respostas, ou sequr em visualizações, destes dislates.

Jesus de Nazaré foi crucificado pela ignorância e pelo preconceito. A nós não se pede que sejamos pregados numa cruz. Pede-se que não alimentemos os devaneios destas pessoas perturbadas e cegas pelo exclusivismo religioso.

Não destaquemos o Mal. Mantenhamos a paz, por mais que haja quem nos queira soprar tormentas. Ao fim e ao cabo, as pessoas que promoveram esta falácia ridícula, são claramente carentes de inteligência, de senso moral, e mesmo de educação. A maior caridade que podemos fazer por elas é ignorar as suas maldades. Tentando chamar à razão, só inflamaremos mais a raiva dessas pessoas, aumentando os seus débitos para com as Leis Divinas.


Façamos antes como Jesus:

"Perdoai-lhes, Pai, pois não sabem o que fazem"...

Da minha parte, jamais abro uma publicação de ódio ou faço um clique que seja num site de ódio, venha ele de onde vier.

Um abraço do tamanho do mundo,

Luís Gonçalves

G. Castro disse...

Eu nem espírita sou. Sou um livre pensador sem filiação religiosa. Mas espanta-me que vocês dêem sequer importância a evangélicos. Com pequenas excepções, são raposas matreiras como o Edir e a pastorzada pentecostal toda, ou atrasados mentais a quem fizeram lavagens ao cérebro. Don't feed the trolls!

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...