Gravidez com crescimento interrompido naturalmente...


Queridos amigos, bom dia.

Recebí através do nosso formulário "Entre em contato" a seguinte pergunta, para a qual a resposta segue abaixo:

"...Boa tarde! Meu nome é _______ e tenho ______ anos.
Conheci o blog através de uma colega, que vendo minha aflição, me mostrou algumas mensagens, respostas parecidas com meus questionamentos.
Estou passando pelo pior momento da minha vida, acabo de perder minha filha, ela faleceu dentro do meu ventre após quase 27 semanas de gestação, lutamos muito por ela, quase sofri um aborto com 7 semanas de gestação e quando tudo parecia bem descobri um problema na placenta, que não deixava passar nutrientes adequados, restringindo o crescimento dela, isso com aprox. 19 semanas. Eu tinha muita esperança de que tudo iria dar certo, nunca havia amado tanto, lutado tanto por alguma coisa, mas infelizmente ela faleceu e eu me sinto muito mal por isso. Gostaria de entender porque tudo isso aconteceu, me sinto muito confusa e culpada, talvez pq quando tinha 18 anos, em uma atitude precipitada realizei um aborto, o feto tinha aproximadamente 8 semanas, por muito tempo eu não havia enxergado o mal que fiz, e hoje posso enxergar. Gostaria de saber se de alguma maneira eu estou ?pagando? pelo que fiz no passado, o que posso fazer para ajudar esses espíritos, pois no momento não consigo sequer pedir a Deus para ajudá-los. Será que minha filha era o mesmo espírito que tentou reencarnar quando eu tinha 18 anos?
Obrigada...."



"Prezada ______________, bom dia.

Perdoe a demora em responder seu e-mail mas estou envonvido em algumas tarefas que estão me ocupando mais do que o esperado.

Obrigado por dividir seu problema e suas angustias comigo, agradeço sua confiança.

Como você já deve ter visto no blog a imensa maioria dos casos em que a gestação é interrompida por motivos naturais sempre se trata de uma prova e necessidade para os pais do espírito reencarnante. Em muitas vezes, e acredito que esta sua seja uma destas vezes, o feto se desenvolve até um determinado ponto devido à necessidade do reencarnante de "jogar" na matéria algum problema perispiritual ou físico, o que possibilitará que tenha um corpo mais saudável em uma próxima reencarnação.

Perceba que este processo não se dá por "punição" de Deus e sim por necessidade nossa em vencer os obstáculos que colocamos em nossas vidas há tempos atrás. Esta expressão que você utilizou "pagando" dá a entender que a vida está sendo injusta e grosseira conosco, quando na verdade não é assim; todos somos responsáveis pelos atos que praticamos e é da lei que venha a colheita, entende?

Estes fatos, embora muitas vezes cercados de tristeza e de dor, não vem nos punir, vem nos ensinar o valor real das coisas - desta forma através da "perda" de um filho gravaremos dentro de nosso íntimo a importância que significa a vida de um ser em nosso ventre e, em nosso futuro, estaremos capacitados a não agir daquela forma novamente. A dor e o sofrimento fazem parte das ferramentas que a vida se utiliza para nos ensinar o que não aprendemos pelo amor ou pelo estudo.

O fato de você haver realizado um aborto antes, quando não tinha o esclarecimento suficiente para perceber o erro que cometia, pode ser um dos que contribuiram para este acontecimento, mas certamente um outro fator foi a necessidade do espírito de lançar na carne problemas do perispírito e "limpar" seu futuro corpo; então acredito que ao invés de se perder na culpa você deva aliviar um pouco sua dor percebendo o quanto sua participação foi importante para o auxílio a este irmão que sofria e que agora venceu esta situação com o seu apoio.

Perceba que mesmo de um fato triste - de um ponto de vista - Deus tira o bem para os envolvidos; pois tanto o espírito reencarnante saiu melhorado desta experiencia quanto você "aliviou" a sua "culpa" através do auxílio direto ao que necessita - mesmo que inconscientemente. é o amor agindo e eliminando a multidão de nossos erros, como nos diz o apóstolo Pedro.

Existe sim a possibilidade deste espírito ser aquele que tentou reencarnar antes; e, caso seja, esta é mais uma prova do amor divino, pois permitiu que vítima e algoz se unissem em um processo de resgate que auxiliou a ambos. É o "reconcilia-te com teu adversário enquanto estás a caminho com ele" que nos dizia o Mestre Jesus.

A melhor opção que você tem para auxiliar este espírito é a oração sincera e a vibração positiva. Embora seja natural a dor e o sofrimento, não deixe que a culpa tome conta de seu coração e paralise suas capacidades de ação. eleve o pensamento a Deus e agradeça por esta oportunidade de reparação ainda "em vida", porque muitos somente conseguem após muitos anos de sofrimento. Ore por este espírito e envie para ele as melhores vibrações possíveis - ele sentiurá e, onde estiver, perceberá o amor que você sente por ele.

Não deixe a culpa atrapalhar sua vida - viva normalmente e busque engravidar de novo, se for o que desejar; porém não se cobre nem fique ansiosa demais. deixe a espiritualidade cuidar do processo e confie nas mãos do Senhor da vida para que venha e seja feita a vontade Dele.

Espero ter sido de alguma ajuda.

Fica em Paz "

Um comentário:

Socorro Melo disse...

A oportunidade de crecermos espiritualmente, mesmo através do sofrimento, é prova de que Deus nos ama. O sofrimento nos purifica, nos faz refletir, e tomar novas diretrizes em nossas vidas. Que o recomeço, seja alicerçado na confiança em Deus, e que o propósito seja sempre de melhorar nosso interior.

Paz e Luz
Socorro Melo

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...