Em que casa trabalhar, Aborto tardio, Fim de namoro e Consulta espiritua...


Queridos amigos, bom dia.

Recebí através do nosso formulário "Entre em contato" a seguinte pergunta, para a qual a resposta segue abaixo:

"...Parabéns pelo site!
Gostaria da sua orientação. Eu há anos busco uma casa para trabalhar espiritualmente.Já fiz parte de algumas casas, mas qdo as coisas me desagradam e vejo muito teatro e pouco trabalho de fato, acabo saindo. Começei minha jornada com a parte esotérica e depois umbanda. Eu sou uma pessoa que estudo muito, aprecio o Kardecismo, pois é onde temos as respostas para tudo. Procuro respeitar todas as crenças, pois se é pela Luz e por Deus... Estou atualmente num centro umbandista, as entidades que tenho contato não exigem nada, vem para trabalhar, e ajudar o próximo. Mas eu continuo sentindo um vazio interior. Até que retornei ao Ramatis, local onde fiz tratamento há 20 anos. Fui só tomar um passe, no dia seguinte, tive uma dor de barriga, pensei,deve ser espurgo, e mais tarde comecei a me sentir estranha, uma zoeira, e um pouco de dor de cabeça. Eu gostei de ver os médiuns atuantes, e a organização deles. Tive a ideia de retornar lá do "nada", mas confesso que por mais conhecimento que tenha, qdo sinto coisas estranhas tenho medo. Agradeço desde já..."


"Prezada _____________, bom dia.

Obrigado pelos parabéns, mas - embora feito com carinho e dedicação - o trabalho é simples e pequeno diante de tantos melhores que existem por aí.

Vejo que você tem uma imensa trajetória no caminho em busca de luz, não é? isso é bom porque, na maioria das vezes, nos dá uma perspectiva bastante ampla do significado de Deus, Amor e Caridade, e permite que criemos um caminho nosso de buscar a harmonia que desejamos pará nós e para o próximo.

Conhecí algumas religiões e grupos de estudo em minha caminhada também e isso também me deu um carinho muito especial pela diversidade de nossas crenças. Aprendi que o verdadeiro significado disso tudo é que ninguém está errado e todos está certos - para o nível consciencial em que se encontram - por isso tantas religiões em torno de uma única fé: a diferença vibracional do ser humano que faz com que ele se agrupe em conjuntos que vibram em uníssono; e assim nenhum de nós pode dizer que fica sem opção de escolha religiosa.

Acredito pelo exposto que você trabalhe como médium, não é? é realmente um caminho de muita alegria e realização, mas ao mesmo tempo de muito compromisso e dedicação. Muitos pensam que mediunidade é apenas "incorporar" e pronto; mas não é.

Mediunidade é um processo dinâmico de evolução, repleto de oportunidades para realizar atos de caridade e amor, porém sem o estudo sério da doutrina e dos ensinamentos de Jesus, é apenas, como disse emmanuel, uma cascata que libera muita energia sem efeito construtor algum.

Você relata que estuda muito - acredito que tenha uma vasta gama de livros que já leu - mas, desculpe o atrevimento, quais tipos de livros que anda lendo (romances, auto-ajuda, complementares, obras básicas)? o que aproveitou de cada um? o que agregou em sua vida? Já estudou o evangelho de Jesus?

Pergunto isso porque uma frase que você colocou em seu e-mail me preocupou: "continuo sentindo um vazio interior".

Perceba onde quero chegar: disse antes que mediunidade é um processo DINÂMICO e este dinamismo envolve diversas partes que em conjunto farão de nós os médiuns que somos, compreende?

Vou ilustrar abaixo para ficar mais fácil de ser compreendido - perceba que isto que estou afirmando faz parte de minha visão particular, não falo como representante da Doutrina Espírita e sim como pessoa:

Parte 1 - Faculdade mediúnica - que é a capacidade de sentir a influencia dos espíritos de uma forma maior ou menor e está agregada ao organismo mais ou menos sensitivo (LM 159 a 164); que deve ser estudada e compreendida da melhor forma possível através das orientações contidas no LM e livros complementares (André Luiz, Emmanuel, Bezerra, Yvonne, etc) e colocada em trabalho a favor das entidades sofredoras que necessitem de nosso apoio em locais orientados pela caridade e amor. (aí acontece o erro da maioria de nós, acreditamos que mediunidade seja apenas isso).

Parte 2 - Mediunidade da Caridade - é o braço da mediunidade que alcança os encarnados (aí alguém pode perguntar: Mediunidade de encarnados? como é isso?). Esta mediunidade faz com que estejamos em locais onde nossa presença sema necessária e onde hajam pessoas em maior sofrimento que o nosso. Nestes momentos somos a boca, os ombros, os braços e as mãos de Jesus em ação pelo que sofre (Mateus 25, 34-40) . Chico já dizia: "é melhor ser apenas médium dos espíritos ou ser médium de deus?" - nestes momentos somos médiuns da vida, levando conforto, consolo e mantimentos a quem necessita. O melhor e maior médium deste tipo de mediunidade foi o querido Chico, mas também a vemos em Divaldo, Teresa de Calcutá, etc.

Parte 3 - Mediunidade com Jesus - é o verdadeiro sentido da mediunidade - ferramenta que possibilita o intercâmbio com os esíritos para esclarecimento e crescimento espiritual de todos nós. Aprender a valorizar as oportunidades que recebemos pela graça divina, a observar o mundo com "olhos de ver", a compreender as falhas dos outros como gostariamos que compreendessem as nossas, a enxergar os problemas e agir em sua solução sem críticas ou acusações; a fazer ao próximo o que desejamos que seja feito a nós mesmos e assim vivenciar os ensinamentos de Jesus em nossos dias - se conseguirmos isso estaremos a caminho de uma verdadeira mediunidade - harmonia entre o espiritual e o carnal.

Este é o caminho para eliminar este "vazio" que você está sentindo - Deus, Amor e Caridade - ocupação e trabalho em benefício do próximo.

Já passei por uma situação parecida com a sua há algum tempo e aprendí o seguinte: não acredito que importe tanto "onde" você esteja e sim "o que" você faz - pois sempre teremos ao nosso lado pessoas que não estão dentro dos padrões que julgamos certos ou que não atuem conforme nossas convicções; nestes casos nós devemos agir da melhor forma e fazer o melhor que pudermos, para que com as nossas atitudes possamos ser o exemplo que as pessoas necessitam.

Não busque "perfeição" em nenhum lugar pois na nossa Terra isso ainda não existe. Compreenda as limitações do próximo e dê o melhor de sí para que o trabalho seja feito e atenda aos que necessitam, mesmo que não seja "exatamente" o que se desejava.

Desculpe se não respondi como desejava e espero ter sido de alguma ajuda.

Paz contigo."


"...Ola, me chamo ___________ e tenho _____ anos, conheci o blog atravez de uma amiga, que lhe procurou num momento dificil de sua vida, e teve otimos resultados, por isso estou aqui. vamos la, namorei durante _____ anos, e ha _____ meses atras, ele terminou nosso relacionamento, fiquei muito mal, completamente perdida, sem chao. fui atras dos meus amigos, familia e Deus. e nesta busca de preencher o vazio dentro de mim, conversei com um amigo que incorpora em um centro espirita, nesta conversa, ele me disse, que foi influencia de amigos a atitude do meu ex, e assim que "caisse a ficha" ele vai vir atras e vou saber realmente o que falar. 2 semanas depois desta conversa, estive no centro q ele trabalha, e conversei com o Pai Jose do Congo, e ele disse q era pra eu tocar minha vida, nao sofrer por ele, q se ele voltasse eu seria mais infeliz! ai veio a confusao em minha cabeça, nao sei o que pensar! nao estou esperando ele vir,to seguindo minha vida. esta dificil, estou muito confusa, me vejo, apesar de ter muitos amigos, sozinha. ainda m sinto um pouco perdida, apesar de ja se passarem 2 meses. por que tem que ser sim? sera q Deus esta reservando algo melhor p mim? mais porque demora tanto? nao sei se voce podera me ajudar, mais acredito q p tudo em nossa vida ha uma explicaçao, e acredito tambem q é atravez do espiritismo e da fé! obrigada desde ja. abraços..."

"Olá ________________, bom dia.

Não sei o que sua amiga disse mas, tenha certeza, que não fiz nada demais - somente tentei esclarecer algumas colocações à luz do espiritismo; bom saber que ela pôde tirar proveito do que foi dito.

Quanto ao caso que você relata, diferente de outras pessoas, não tenho o direito de dizer o que você deve ou não fazer... isto é um papel que cabe somente a você, pois a decisão tomada irá implicar diretamente em sua vida e é da lei que utilizemos o nosso livre-arbítrio para construirmos o nosso futuro, entende? Não posso escolher por ninguém e ninguém deve escolher por mim.

Desta forma gostaria de tecer alguns comentários sobre o que você relata, sem ter a intenção de influenciar sua decisão:

- Não conheço esta "casa espírita" que você visitou, por isso vou dizer apenas o que posso observar pelos fatos narrados, mas acredito que não seja uma casa Espírita e sim uma casa de umbanda (religião de origem africana) pelo fato de você haver "conversado"/feito uma consulta com o espírito "Pai José do Congo" (nome tipicamente de entidade que deseja se apresentar com ascendencia africana) - desta forma, sem desmerecer a referida casa, não sei da responsabilidade nem da idôenidade de seus guias e trabalhadores para opinarem de forma ostensiva sobre as vidas dos consulentes;

- existe, na grande maioria de nós, a crença que os espíritos sabem tudo e que tem todas as respostas para os nossos problemas e anseios - isto na maioria das vezes é um erro; pois, como veremos na codificação espírita, muitos dos espíritos que se apresentam como trabalhadores espirituais em casas espíritas, umbandistas ou espiritualistas, são iguais a nós: espíritos em busca de redenção - a diferença é que eles estão sem a carne e tem uma visão mais completa do que acontece.

- Desta forma, retiradas algumas excessões onde espíritos realmente superiores trabalham com médiuns espetaculares, as opiniões que muitos destes espíritos oferecem são suas opiniões próprias - com seus pensamentos, gostos e vontades - e muitas pessoas se deixam levar por estas opiniões pensando que seja o "mapa" para a felicidade que eles queriam e na verdade são apenas idéias de uma pessoa igual a nós, sem nenhuma garantia de funcionar.

- Assim posso afirmar que, de acordo com minha visão particular, o seu amigo (estando "incorporado" ou não) cometeu um ato falho afirmando algo que ele não tem certeza ou conhecimento e prometendo algo que não está ao alcance dele, compreende? Já o Espírito "Pai José do Congo" demonstrou bastante sutileza e conhecimento das leis espirituais para não interferir em sua vida com opiniões "sim ou não" e "faça isso ou aquilo", informando que você "tocasse" sua vida - ou seja: continue vivendo seus dias e escolhendo o que achar melhor para você; a parte do "porque se ele voltar você será mais infeliz" ele pode apenas fazer conjecturas sobre isso. Entende onde quero chegar?

As casas espíritas orientadas por Jesus e Kardec não utilizam este tipo de "consulta" ou "aconselhamento" - pelo menos não deveriam; o que indicam é a busca pelo equilíbrio e a reforma íntima, valorizando os ensinamentos do Mestre Jesus e transformando nossas vidas atavés do amor e do auto-conhecimento.

Ñas casas Espíritas as conversas são entre o consulente e um atendente treinado em atendimentos fraternos (para pessoas que estão com problemas e precisam conversar, fazer um tratamento); além disso temos palestras doutrinárias, estudos sobre espiritualidade e mediunidade, ações da juventude, visitas a abrigos de idosos, hospitais, orfanatos e muito mais - todas estas atividades são excelente terapia para quem se sente "sozinha e um pouco perdida".

Esta "terapia" vai auxiliar você a compreender os fatos da vida, a sublimidade do amor de Deus e a se auxiliar ajudando os que necessitam mais do que você. É um ato de caridade para com o próximo e para consigo mesmo.

Deus sempre deseja o melhor para nós e tudo acontece com um motivo - precisamos compreender a lei da vida; para compreender melhor o que pode ter gerado o afastamento de seu namorado busque, de forma imparcial, e estude os fatos e as nuances ocorridas em seu namoro - certamente a sua resposta estará lá.

Certamente o espiritismo (o verdadeiro espiritismo) tem a explicação para "tudo em nossa vida" como você declara - apenas acredito que esta explicação não será do modo como você possa ter desejado - O espiritismo abre as portas de nossa consciencia para que conheçamos mais e melhor as leis universais de amor, caridade, fraternidade e perdão; também traz as explicações filosóficas e científicas para a origem e destino dos espíritos, planetas e da vida; nos orienta o melhor caminho para buscarmos crescer e nos tornar seres melhores e mais harmonizados com a vida, basta que nós sigamos.

Busque acender a luz que brilha em você e plantar sementes de amor e felicidade - "o resto nos será dado por acrescimo de misericórdia".

Espero ter sido de alguma ajuda e peço desculpas se não obteve a resposta que desejava.

Paz contigo."

"...olá...meu nome é ____________, tenho ___ anos e fiz uma inseminação artificial, fiquei gravida de trigemeos, 3 meninos. quando estava com _________ semanas, tive certas contrações, e corrimentos,mas na madrugada do dia ___/___, não aguentei e fui para o hospital, não tinha mais oque fazer, estava totalmente dilatada, tive meus filhos e viveram por 10 horas.
tenho varia perguntas, como: será que eu fui culpada de não procurar ajuda com os sinais que estava tendo, matei meus filhos?
será que serei mãe novamente? ou Deus fez isso´pra realizar o sonho de mãe, mas minha missão é outra e não congretizar o sonho de ter um bebe em meus braços?
uma coisa eu sei, eu e meu marido tivemos um crescimento muito grande, a familia em si , hj sim somos um casal que nunca fomos.
Mas será que Deus faria isso, para crescermos?
eu tinha alguma coisa dentro de mim, de que não chegaria com essa gravidez até o final, não sei tudo ainda é muito confuso.
obrigada João
um forte abraço..."


"Prezada ________________, bom dia.

É importante perceber que tudo que acontece é para o nosso crescimento interior e melhoramento como espíritos eternos - mesmo que na hora os fatos pareçam injustos e dolorosos demais.

Não posso dizer que compreendo o sentimento da perda de um filho, mas imagino o quanto deva ser doloroso para os pais. A Doutrina Espírita nos esclarece (como deve ter visto em outras mensagens no blog) que este tipo de acontecimento é, na grande maioria das vezes, uma prova e expiação para os espíritos que estão como pais, devido ao resgate de atos e decisões passadas.

Como nada na vida é sem sentido - ou motivo - a espiritualidade direciona espíritos também em necessidade expiatória para reencarnar nos fetos e, mesmo que por alguns minutos ou horas, aliviar a sua carga de resgates em rápidas existencias (com diversas finalidades).

Fico muito feliz em "ouvir" que você e o marido tiveram um crescimento muito grande - é sempre bomsair mais fortalecido e experiente de situações como esta. também percebo pelas suas palavras que, mesmo abatida e entritecida, você está resignada e tranquila quanto ao fato e aos sentimentos.

Para mim isto representa um grande apoio espiritual que você certamente teve e continua tendo; principalmente pela sua declaração que "tinha alguma coisa dentro de mim de que não chegaria com essa gravidez até o final" - este sentimento interior (ou intuição) é o melhor indicativo que os amigos espirituais estavam com você(s) todo o tempo e que, durante o período de desdobramento pelo sono físico, você recebia/recebe apoio e orientações quanto ao que aconteceria - sendo preparada para enfrentar o fato com mais tranquilidade e equilíbrio.

Podemos compreender assim existem coisas que uma pequena frase define muito bem "precisava ser assim"... para que a balança da vida se reequilibrasse quanto a erros cometidos no passado, nos dando novas oportunidade de crescimento e aprendizado.

O mais importante é não deixar o desânimo e o abatimento tomarem conta de nós, e fazer da oração uma ferramenta de uso constante - tanto em prol de você e do marido quanto dos espíritos reencarnantes.

Não julgue o futuro tão rapidamente. Fatos como este não significam que "nunca mais" acontecerá, ou que você não concretizará o seu sonho... apenas que foram necessários determinados acontecimentos para reencaminhar as coisas. O resto será criado a partir das decisões e sentimentos que você plantar. Somos nós os construtores de nosso futuro, porém não podemos esquecer o plantio do passado.

Viva sua vida normalmente, busque engravidar novamente - se este for o seu desejo - mas não se cobre demais, não julgue incapaz, nem se culpe por fatos que não dependem de você; apenas viva e deixe a vida agir em sua vida; ela é o melhor mentor que podemos ter.

Espero ter sido de alguma ajuda.

Paz contigo "

Nenhum comentário:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...