Porque sou diferente? sou de outro planeta? - Perguntas dos amigos



"... Olá João! Preciso de orientações.

Eu sempre me senti muito fraco e inferior diante das outras pessoas por não gostar de fumar, beber ou fazer sexo desregradamente. Quando faço alguma dessas coisas fico com a consciência pesada, ouço uma voz interior que recrimina essas minhas atitudes. Por eu ser jovem (tenho 23 anos) me sinto muito mal, sabendo que precisarei sempre fingir que sou igual a todos, quando não sou e nem gosto de fazer o que eles fazem.

Há alguns meses tive uma experiência estranha com psicotrópicos.

Fiz uma espécie de projeção astral, fiquei consciente mas totalmente sem controle do que me acontecia enquanto estava fora do meu corpo. Naquela ocasião, conversei com entidades que me orientaram sobre vários aspectos da minha vida e tentaram tranquilizar minhas mais profundas inquietações. Uma dessas minhas inquietações era o fato de eu me sentir diferente em relação aos demais.

Lembro de me ter sido mostrado que era para eu ficar tranquilo porque eu realmente era diferente das outras pessoas, de alguma forma boa.

Desde então tenho me voltado para a espiritualidade, curioso para me conhecer. Se eu sou mesmo diferente dos demais, então quem eu sou? Comecei a me interessar pelo lado espiritual da ufologia e descobri que podem existir extraterrestres encarnados na Terra, para cumprimento de várias missões. Me aprofundei no assunto, eu tinha certeza que eu era um desses.

Tenho tentado me projetar no astral, como forma de acessar essas informações sobre minha história e na noite passada, enquanto me relaxava, atingi um estado mental diferente onde eu tive a mais plena certeza de que eu era um extraterrestre e era isso que as entidades espirituais que me orientam estavam querendo que eu entendesse. Senti como se quase pudesse me lembrar exatamente de que parte do universo eu era. Me senti extremamente feliz e agradecido por saber que eu pertenço a um grupo, que eu tenho uma origem, um lugar onde eu posso ser do meu jeito e todos me aceitarão.

A minha dúvida: será que eu estou em devaneios? Como ter certeza de que eu realmente descobri minha origem e não que as minhas pesquisas estão influenciando minha imaginação? É aconselhável que eu procure algum tipo de profissional, grupo ou terapeuta para me ajudar?

Obrigado pela ajuda e que os seres de luz continuem abençoando seu excelente trabalho!
...."



Prezado ___________, bom dia.

Antes de mais nada desculpe pela demora em responder seu quesitonamento.

É sem dúvida que existem seres extra-terrestres reencarnando na Terra agora e desde sempre. Como também a terra envia estes seres para reencarnarem em outros planetas mais ou menos evoluidos.

Estes "seres" nada mais são do que espíritos que vivem em outras civilizações e que através das migrações planetárias estão sempre chegando, indo e vindo para o nosso planeta - mas é importante verificar que o Espiritismo nos fala destas migrações e chegadas e saídas através de forma natural, ou seja, com nove meses de gravidez e um desencarne posterior.

O pouco que conheço de ufologia não me permite formar uma opinião sobre os fatos que ela aborda, apenas acredito que quando eles se referem a extra-terrestres estão se referindo, na maioria das vezes, a grupos de indivíduos de outras civilizações que vem em missão específica através de um veículo espacial para efetuar visitas ao nosso planeta - então se for neste sentido que está falando perceba que não é, de modo algum, compativel com o que o espiritismo orienta.

Embora o espiritismo não negue a vida em outros planetas e, acredito eu particularmente, que muitas destas civilizações podem realmente ter condições tecnológicas de viajar pelo cosmo - mas no quesito reencarne de extra-terrestres uma coisa é diferente da outra.

Esta sensação de diferença que você sente - e que muitas pessoas também sentem - é natual em um mundo que está passando por um processo de regeneração, onde espíritos mais evangelizados estão reencarnando para servir de guia e orientação para os menos evangelizados.

Acredito que isso não signifique especificamente que você seja "de outro planeta", mas sim que você já tenha vencido os apelos dos vícios e das sensações, se tornando um ser humano mais apto a reconhecer os valores reais de nossa vida - e isso é muito bom!

O grande problema que você está sentindo vem de um aspecto psicológico que todos temos - a necessidade de aceitação. Você se sente diferente porque a maioria dos jovens de sua idade estão em um nível psico-socio-moral diferente do seu e executando atos que para você já perderam o "valor" ou o "interesse" - atos que representam os excessos físicos.

Este fato, em minha opinião, pode indicar que você está seguindo por um caminho que não vai te levar a felicidade ou completitude; acredito que você deva buscar um grupo que se afine com seus reais interesses e que tenha os mesmos objetivos.

Conheço muitas pessoas, inclusive eu e minha família, que são capazes de se divertir e "curtir" sem necessidade de álcool, sexos desregrado, drogas, etc... tudo vai depender do grupo a que você se filiar.

Acredito que você deva, tendo em vista isso, buscar uma casa de oração que tenha um grupo jovem onde sejam realizados trabalhos de amor e caridade, reuniões de diversão, estudado o evangelho de Jesus e coisas assim - certamente você estará entre pessoas que se afinam mais com seu modo de ser - independente de que casa de oração seja esta, busque a que mais se sintoniza com você.

Quanto aos seus estudos ufológicos - não creio que sejam devaneios, apenas que você esteja buscando longe demais uma solução que está mais próxima do que imagina. Os amigos espirituais estão tentando te orientar e auxiliar a seguir sua programação de vida nesta Terra. faça sua parte se esforçando pelo bem e pelo amor, aprendendo o evangelho de Jesus e dando o exemplo para os que estão próximos a você de como podemos ser felizes sem que tenhamos a necessidade de nos prejudicarmos ou prejudicarmos os outros através de maus hábitos e vícios.

Não se preocupe com o que possam vir a falar ou pensar de você - eu mesmo já fui chamado de "bobão", "matinê", "dominado" etc por pessoas que acham que se divertir é tudo o que eu não gosto... mas, entretanto, respeito a opção de quem gosta de fazer e, a Doutrina ensina que todos estamos no momento de consciencia que mais se adequa a nós em nossa evolução, portanto é normal que passem por esta necessidade de experiencias para seu crescimento espiritual.

Acredito que não seja necessário buscar nenhum profissional ou realizar estudos com projeciologia em seu caso, é sim necessário buscar um grupo que se adeque a você e então iniciar sua mais importante busca: por você mesmo e pelo seu equilíbrio interior.

Espero ter auxiliado. Qualquer coisa entre em contato novamente.

Paz contigo.



Nenhum comentário:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...