Natimorto - Perguntas dos amigos



"... Ola.Estava c 37 semanas de gestaçao e percebi,do nda,q mha filha nao mexia mais.Qdo fomos ao hospital ela ja estava sem batimento cardiaco fetal.É mto doloroso.Mas gostaria de saber s eu voltar a engravidar ela pode voltar no novo feto a ser formado?....Estou sofrendo demais e acho q essa ferida nunca irá se fechar.Abraço . ......"



Prezada _________, bom dia.

A dor que você está sentindo é uma das maiores que se pode experimentar em esta vida; mas mesmo assim, como toda dor, traz em sí um grande ensinamento e uma grande oportunidade.

A espiritualidade nos orienta que em casos como este, quando buscamos, vamos encontrar diversas faltas em nosso passado que necessitam de reparação e expiação; sendo este o momento acertado para tal - quando o espírito endividado já se encontra em condições de perceber e entender o mal praticado e de valorizar o objeto do erro anterior.

Agradeçamos a Deus por ter nos dado esta oportunidade, embora seja muito doloroso, pois é o caminho de "limpeza" e reparação necessários ao crescimento e esclarecimento de nosso espírito endividado.

Além desta orientação individual, as pessoas que passam por processos como este ainda tem a grande felicidade de auxiliar os espíritos que necessitam estarem ligados temporariamente a um corpo físico em formação, a fim de completar estágios de sua caminhada ou de deixar no corpo físico problemas perispirituais.

Percebemos, então, como de um aparente mal Deus, em sua sabedoria e misericórdia, gera dois bens - auxiliando diretamente dois espíritos necessitados.

Estes espíritos - algumas vezes ligados por atos e fatos do passado - podem sim terem a oportunidade de se reencontrarem como mãe e filho(a) ainda na mesma encarnação; é muito comum os espíritos que, por necessidade, não findam o processo de reencarne uma vez retornarem e se associarem novamente a mesma família para uma nova oportunidade.

Então, tenha fé e esperança, que se for da permissão Divina e de seu merecimento mútuo - você e o espírito reencarnante - existe muita possibilidade de voltarem a se encontrar.

Porém, entenda, que para isso é necessário a compreensão de sua parte, a resignação, a aceitação dos fatos da vida e que continue com sua vida normalmente, sem se deixar debilitar/anular por conta deste fato.

A tristeza e a saudade são imensas e naturais - o erro está em se deixar dominar por estes sentimentos, e assim paralizar as possibilidades de resgate e de união em uma depressão inútil e sem sentido.

Nada que Deus permite é sem um sentido ou um objetivo justo e útil. Nós somos os instrumentos que ele utiliza para resgatarmos os nossos próprios erros; e assim também somos os instrumentos de nossa renovação e crescimento, de acordo com as decisões que tomamos e com os nossos sentimentos e pensamentos.

Desta forma, busque viver harmoniosamente com seu parceiro e consigo mesmo, sinta as boas vibrações que a vida tem pra te dar, siga as orientações de Jesus e trabalhe em nome dos mais necessitados de amor e carinho - seja a mãe que muitos não tem.

Realizando esta transformação íntima para o bem, certamente, em pouco tempo as suas feridas estarão cicatrizadas e o terreno preparado para novos plantios.

Fica em paz e que Jesus te ilumine.

Esperto ter sido de algum auxilio, caso necessite, entre em contato novamente.


4 comentários:

Adriana disse...

Como essa resposta acalentou meu coração. estou passando por esse sofrimento. perdi meu bebê com 38 semanas completas,no dia do parto, o bebê já estava morto na minha barriga, foi um pesadelo....
fazem hoje 15 dias e é muito triste e dolorido relembrar, mas esse texto me ajudou muito, apesar de não ser espírita.

E.L disse...

TODOS NÓS PASSAMOS POR APROVAÇÕES DIVINAS,NO MEU CASO ESTAVA COM 33SEMANAS E 1DIA,E QUANDO CHEGUEI AO HOSPITAL JÁ NÃO CONSEGUIA OUVIR O CORAÇÃO DA MINHA FILHA,EM INSTANTES O MEU MUNDO SE ACABOU ME FALTOU ATÉ AS LÁGRIMAS QUE FICARAM PRESAS DENTRO DE MIM NUM VAZIO ONDE PODERIA TER UMA ESPERANÇA DE QUE PUDESSE SER A POSIÇÃO DELA QUE EMPATAVA OS MÉDICOS ESCUTAREM SEU CORAÇÃOZINHO,MAIS EM ALGUM MINUTOS ELA VEIO NASCER,MAIS JÁ EM ÓBITO ONDE NADA SE PODERIA FAZER,A DOR É IMENSA E INFINITA ONDE FICAMOS SEM FORÇA PRA PROSSEGUIR.
HOJE COMPLETO 8DIAS,E CADA DIA A FALTA É MAIOR,ESTOU BUSCANDO FORÇA E ESCLARECIMENTOS ONDE EU SINTO QUE POR NECESSIDADES A MINHA FILHA ME DEIXOU PARA QUE NOS POSSAMOS EVOLUIR E QUE UM DIA ELA VOLTARA PRA MEU BRAÇO E SEREMOS MUITO FELIZES,E QUE FAMÍLIA COMPLETA...
E ESSE TEXTO ABRIU AINDA MAIS MEU CORAÇÃO E ALIMENTOU-SE DE ESPERANÇAS,ONDE EU E PAI APRENDEMOS E CONCERTAREMOS OS ERROS DO PASSADOS E PRECISAMOS PERDER PRA RECONHECER...
E QUE DEUS NOS ABENÇOARA EM BREVE COM OUTRO BEBE ONDE AMAREMOS DOBRADOS.
EU TENHO 25ANOS,TENHO UM FILHO DE 7ANOS,E TIVE AGORA HÁ PERDA JÁ NO 8°MÊS E AGORA PROCURO PAZ E RECOMENDO A TODAS,PROCURAR CADA DIA SER FELIZ AMAR A TODOS A PERDOAR E RECOMEÇAR.
OBRIGADA.

Anônimo disse...

Olá! Ao ler esse texto, fiquei mais confortada... Tenho lido bastante a respeito para conseguir compreender os desígnio de Deus... Não está sendo fácil... perdi meu Antônio com 37 semanas e 3 dias. Foi algo tão repentino que, às vezes, parece que foi um sonho o fato de eu estar grávida... Fiz tudo certo durante a gestação, mudei todos os meus hábitos para que ela fosse saudável e meu bebê nascesse com saúde. Mas acredito também que, se eu não tivesse feito tudo certo, de alguma forma me culparia... Espero, com fé em Deus, que logo possa ser mãe... Estou tentando há 3 anos... Em 2012 sofri um aborto com 7 semanas... E agora, em julho, perdi meu bebê... Um abraço fraterno.

Anônimo disse...

Olá... acabo de ler este texto o q me traz de cera forma paz e conforto para aceitar..... hoje tem cerca de 45 dias q perdi minha bebe de 36 semanas de maneira inexplicável.... a dor e imensa e não há como substituir... mas de uma maneira incrível sinto que o amor em mim por tudo a minha volta aumentou... minha família se consolidou ainda mais... amigos de verdade se revelaram e meu casamento.. meu aMoR este está maior ainda... eu e meu marido nos unimos e firmamos ainda mais nosso aMoR... então foi válido e eu aceito... e espero q Deus na sua imensa bondade continue a me fortalecer e aceitar meu caminho... e q em breve tentaremos de novo uma nova criança.. pois temos muito amor a ser dividido... a saudade nunca irá desaparecer... mas a dor será recuperada...

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...