Pecado e redenção - Perguntas dos amigos



"... Daria por gentileza explicar- me se possível sobre uma Dúvida que surgiu na sexta - feira.
Minha secretária é Plebisteria do Brasil ela comentou que entre um Mentiroso e um Matador os dois são Pecadores. Até aqui tudo bem.
Só que a dúvida é o seguinte: como os dois são pecadores o Matador tem o pecado maior p/ mim, pq tirou a vida e uma pessoa ( Agora se ele se arrepender aí não é mais pecado ).
Ela respondeu que não existe pecado maior ou menor tudo é igual isto é certo?
Pois se a gente somente ao pensar em matar alguém já é pecado.Mas fazer isso de tirar a vida de alguém e se arrepender .... Ainda não é pecado , então pq não pensou antes de matar alguém........
Obs : Isto daria p/ perguntar p/ o Pastor ou padre mas não quero as respostas deles, OK? ....."




Querida amiga, bom dia.

Esta resposta de sua secretária está em acordo com a orientação da religião que ela professa. Para os protestantes todo erro é pecado e envia o pecador diretamente ao inferno, porém qualquer pecado pode ser "eliminado" se aceitar Jesus como salvador e arrepender-se (de um modo geral)

O espiritismo tem uma visão um pouco diferente destes fatos, assim como o catolicismo com seu purgatório - embora as duas visões ainda sejam diferentes entre si.

Para o espiritismo o conceito de pecado - erro indesculpável que leva o pecador ao inferno - é muito cruel e não condiz com a grandeza de Deus. Existem os erros e existem os que erram - todos nós - e cada erro terá um quinhão de responsabilidade para o que erra, trazendo a ele a necessidade de resgatar seus erros para com a vida e com seus próximos.

este resgate poderá se dar na vida atual ou em vidas subsequentes - pois Deus não tem pressa e não nos condena ao inferno eterno por errarmos; ao contrário, nos dá a oportunidade de "limparmos" o nosso passado através de nosso presente e futuro.

O que acontece é que nós, ainda tão imperfeitos, na maioria das vezes desperdiçamos as oportunidades que recebemos e ao invés de plantarmos flores para o nosso futuro, continuamos plantando espinhos.

Este caminho duro e espinhoso segue até o momento em que percebemos que para pararmos de sofrer necessitamos mudar de direção e de atitudes, iniciando assim o caminho de volta através dos resgates que a vida nos oferece.

A bíblia nos diz que "Deus não quer a morte do ímpio, mas que ele se redima e viva!"; Jesus nos mostra através da parábola da ovelha perdida que há muito mais alegria no reino por um "pecador" que reencontra o caminho do que por 99 justos que nada fizeram; Pedro o apóstolo afirma, inclusive, que "o amor cobre a multidão de nossos pecados"

Então somente posso compreender que Meu Deus - e seu Deus - quer que busquemos viver em harmonia e amor, sem a sombra da culpa e do erro, sem ameaças de sofrimento eternos, porém arcando com as responsabilidades do que tenhamos feito.

Esta responsabilidade acaba - de acordo com a Doutrina Espírita - no momento que resgatamos os erros através do amor ao próximo, e não apenas com uma afirmação de fé e arrependimento que pode não ser do coração; entretanto é inegável que o arrependimento faz parte do processo de resgate, como encontraremos em "o céu e o inferno" capítulo 7 ponto 16: "Arrependimento, expiação e reparação constituem, portanto, as três condições necessárias para apagar os traços de uma falta e suas consequências."

Deus, assim agindo, não perdoa as faltas que comentemos apenas porque afirmamos que acreditamos nele e nos arrependemos, mas também não condena o "pecador" a sofrer eternamente por um - ou vários - erros cometidos; sendo justo e misericordioso nos dá a oportunidade de "lavarmos" os nossos erros através do trabalho no amor e no bem e, assim, plantamos as flores que desejamos para o nosso futuro.

Desta forma, querida amiga, embora respeite e aceite as idéias e crenças de sua secretária, bem como de todos os que abraçam a religião protestante, não posso dizer que concordo com elas.

Espero ter respondido da maneira que desejava.

Paz contigo.

Um comentário:

Milton Kennedy disse...

Bom dia João,
excelente e coerente sua explanação.
Grande abraço, saúde e muita paz interior.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...