Perda de Sensibilidade Medianímica - Perguntas dos amigos



"... Ola meu nome é ________ e tenho ______ anos, desde criança sempre tive presentimentos, sonhos e visões, mas ultimamente isso parece estar acabando. O que faço para não perder esses dons que sempre tive? ......"



Prezada _____________, bom dia.

Os dons espirituais (sensibilidades) são um presente que Jesus permite que mantenhamos em determinadas encarnações para que nos sirvam de ferramentas em nosso processo de evangelização íntima e do próximo.

Muitas vezes nós pedimos para reencarnar com determinadas capacidades, tendo em vista uma programação espiritual, e nos comprometemos em utilizá-las em favor do amparo e auxílio aos que necessitam, aliviando assim a carga dos erros que cometemos em nosso passado.

Não entenda com isso que estou afirmando que quem tem, por exemplo, sensibilidade mediunica "tem que trabalhar" em mesa mediúnica - não é isso; apenas que deve utilizar seus conhecimentos e capacidades em benefício do próximo, servindo onde se sentir mais sintonizado e a vontade... sem a obrigação de ser médium mas com a obrigação de ser trabalhador do Cristo, compreende?

Estas sensibilidades normalmente se apresentam em determinada idade e continuam até o momento em que deixam de ser úteis para nós, ou que a espiritualidade julga que estejamos fazendo uma utilização inadequada das mesmas - não estou afirmando que seja isso, é apenas uma explicação.

Acredito, minha irmã, que deva realizar uma análise íntima de seus sentimentos, pensamentos, hábitos e atos, de forma a observar como anda o seu equilíbrio e harmonia internas; como anda a sua ligação com o mais alto e se existem fatores externos ou internos que estejam te desequilibrando os pensamentos ou a psique...

Estes são fatores que, muitas vezes, nos tornam menos sensíveis aos espíritos amigos que desejam nos auxiliar ou que nos tornam mais sensíveis as influencias de espíritos menos evangelizados - o que deve ser evitado e tratado com muito cuidado.

Pereba, minha irmã, que muitas vezes as escolhas que fazemos em nossas vidas -, companhias, locais que frequentamos, atitudes, consumo de substâncias - podem afetar a nossa sintonia e harmonia interiores e/ou com os amigos espirituais e que, também, o afastamento que possamos ter dos ensinamentos de Jesus e dos compromissos de amor e trabalho pelo próximo podem fazer com que nossos amigos retardem, por assim dizer, a programação que tinhamos realizado na espiritualidade, por falta de sintonia e comprometimento nossos. (quero lembrar que apenas estou conjecturando sobre hipóteses e não afimando que seja isso mesmo)

Por outras vezes "damos ouvidos" a estas sensibilidades quando nos agrada ou quando é assunto de interesse material ou físico, quando envolve a paixão ou sexo; mas não quando envolve a dedicação ou caridade... estes também são motivos para que os bons amigos se afastem temporariamente de nós e, consequentemente, abram espaço para outras companhias espirituais (como veremos em "o livro dos médiuns" de Allan Kardec).

De qualquer forma para que possamos buscar uma maior sensibilidade se faz necessário o exercício do bem e da oração em nossas vidas, que trará para mais perto de nós os bons amigos espirituais, preparados para utilizar as ferramentas que tenhamos em nossa encarnação.

Acredito, minha irmã, que seja bom para você passar a frequentar uma casa espírita séria, guiada por Jesus e Kardec, e participar das palestras e estudos, bem como dos trabalhos de assistencia e caridade e, certamente, sentirá novamente e mais ainda as influencias boas da vida te chamando para fazer a parte que nos cabe.

Paz contigo.

Nenhum comentário:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...