Umbral - Perguntas dos amigos



"... Irmão, por que algumas pessoas vão para o umbral quando desencarnam e outras ficaam por aqui como os obssessores? Um forte abraço ......"



Prezada _____________, bom dia.

Perdoe a demora em responder seu questionamento.

Embora a grande maioria de nós tenhamos muito receio e preconceito quanto ao "umbral" - pois normalmente associamos a sofrimento e dor - vale a pena lembrar que o requisito básico para que tenhamos contatos maiores com ele é a sintonia que nós mesmos criamos e que, com a nossa evangelização, vai diminuindo gradativamente.

Importante percebermos também que, de acordo com o próprio André Luiz e o Espírito Lúcius - em "Nosso lar" e "cidade no além" - o Umbral se inicia na crosta terrestre e se estende até acima da ionosfera terrestre (de 60 a 1000Km de altura), podendo ser dividido em "umbral denso", "umbral médio" e "umbral leve"; Englobando - nesta imensidão espiritual - os pontos de apoio nas cidades terrestres, os postos de socorro, os hospitais e, inclusive, as colônias espirituais.

Portanto, como gosto muito de brincar e afirmar, todos nós, se não viemos do umbral, vamos para lá certamente ;-)

Então, querida irmã, podemos afirmar que a destinação das pessoas após o desencarne vai depender de sua sintonia fluídica - mais densa ou menos densa - bem como de sua capacidade de compreensão/entendimento do que ocorre com ele naquele momento.

Algumas pessoas não tem a capacidade de manter coesos os pensamentos e se tornam vagantes sem destino até que consigam ser amparados; outros estão em uma sintonia tão profunda com o sofrimento que são "arrastados" até zonas fluídicas que estejam em concordancia com o que emitem e emitiram durante suas vidas encarnadas; outros estão tão "cristalizados" em seus pensamentos que refletirão no mundo espiritual esta paralisação íntima; alguns tem o pensamento fixo em sua casa, família ou bens e também não tem tanta sintonia com as zonas de sofrimento maior, e estes permanecem junto aos objetos de seu desejo, fascinação ou interesse.

Como podemos notar não existem "regras" definidas no mundo espiritual - cada caso é um caso individual e único.

A única regra é buscar seguir cada vez mais o amor incondicional que Jesus nos ensina e que, quanto maior for em nosso íntimo, mais libertos destes sofrimentos estaremos.

Espero ter sido de alguma ajuda.

Paz contigo.

Nenhum comentário:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...