Medo da morte - Perguntas dos amigos




"... tenho medo da morte mesmo sendo kardecista, então muitas vezes deixo de fazer as coisas por medo ......"

Prezada __________, bom dia.

O medo da morte é um processo natural para o ser humano; vamos
encontrar em "o livro dos espíritos" que é a resposta instintiva que
Deus colocou no ser humano para que possa preservar a sua vida, não
desistindo dela diante das dificuldades encontradas, e assim tentar
cumprir seu tempo e sua missão nesta Terra.

A psicologia nos orienta que temos medo da morte porque, normalmente,
ela nos traz a lembrança consciente ou subconsciente, do sofrimento e
da dor; seja dor da perda, da separação, da doença, da violência, etc.

Então, minha irmã, perceba que o medo da morte não é um erro; é antes
uma necessidade do ser humano para que possa agir com prudencia e
sabedoria, vivendo as experiencias que necessita para crescer e
evoluir sempre.

Você afirma que "deixa" de fazer as coisas por medo e, neste caso, é
interessante verificar que tipo de coisas está deixando de fazer... se
são coisas que arriscariam a vida eu também deixaria de fazer - porque
amo minha vida, minha família e tenho muita coisa pra fazer ainda
melhor do que ficar arriscando a vida em busca de emoções fortes e
adrenalina, entende?

Porém se são coisas que irão te engrandecer como pessoa ou ser humano
acredito que deva pesar e ponderar o que pode ser melhor, fazer ou
não... Por exemplo: surge a oportunidade de uma vaigem para o exterior
e você não faz por medo de andar de avião... e por este medo deixa de
conhecer pessoas e lugares espetaculares... aí deve pesar o medo e ver
se tem lógica; Compreende?

Deveos sempre utililizar a razão para compreendermos melhor a nós e ao próximo.

Arriscar a vida por besterias é realmente um contra senso; mas deixar
de aprender e viver experiencias maravilhosas por um medo infundado
também é.

Hoje em dia a ciencia psicológica progrediu bastante e tem como
identificar determinados disturbios que gerem este tipo de medo e
receio; acredito que talvez possa ser interessante a visita a um
psicólogo e uma avaliação para verificar se, talvez, não necessite de
alguma ajuda para vencer traumas do passado, desta ou de outra vida,
que podem ser solucionados pela ciencia.

Neste caso não tenha medo de ser rotulada de nada... (brincadeira).

Espero ter sido de alguma ajuda.

PAz contigo.


Nenhum comentário:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...