Medo de 2012 - Perguntas dos Amigos

com todas essa informaçaoes sobre planeta que esta vindo como efrentar tudo com paz?


Prezada irmã, bom dia.

Muito deste medo que paira no ar ultimamente tem origem nas teorias cataclísmicas, antigas ou novas, que vêm sendo alimentadas pelo fascínio do ser humano pelo que é catastrófico e desastroso, através de filmes, livros, revistas, boatos... tudo isto contribuindo para este medo inconsciente que muitos de nós temos intimamente.

Some-se a isso os milhões de mensagens e orientações que vem sendo divulgadas por "espíritos" que se intitulam "guias espirituais" mas que mais parecem espíritos mistificadores e pseudo-sábios (ver "o livro dos espíritos" questões 100 a 113) que divulgam suas próprias teorias como sendo as palavras do Cristo ou a vontade de Deus.

O ser humano tem imensa sintonia com o que é doloroso, cataclísmico ou penoso - pois todos estamos muito mais perto de nossa origem primitiva do que do destino de iluminação - e por isso mesmo é mais fácil para grande maioria da humanidade aceitar e acreditar nestas teorias e idéias de morte e dor.

Perceba, minha irmã, que mortes coletivas, destruição, vulcões, terremotos, maremotos, epidemias e tantas outras catástrofes naturais tem acontecido em nossa Terra sempre - há 6 bilhões de anos - e tudo faz parte do processo de aperfeiçoamento, melhoramento e ajustamento do planeta e de suas camadas geológicas.

Hoje percebemos isto com mais clareza porque somos a civilização com maior tecnologia de informação e rapidez de comunicação que temos notícia na Terra. E ao meu entender isto também contribui para a generalização deste medo.

O espiritismo nos esclarece que a morte é um processo natural e que todos inexoravelmente vamos desencarnar; que cada um vive as experiências que necessita e que ninguém pode expiar pelo outro; que nossas experiencias felizes ou infelizes vão nos aperfeiçoando para novas existencias que podem ser vividas aqui na Terra ou em outro Orbe e, principalmente, que Deus é justo e ama os seus filhos, preparando para cada um um local em suas muitas moradas onde este poderá atender o imperativo do amadurecimento espiritual de forma mais acertada e adequada a seu nível moral/intelectual.

Nos esclarece também, minha irmã, que de tempos em tempos cada planeta passa por um processo de ajustamento entre os seus espíritos e que - a exemplo do que ocorreu no sistema de Capela - aqueles que estejam em um nível moral inferior ao novo status do planeta são levados pelos amigos espirituais a outros mundos, mais adequados ao seu estado; e os amigos espirituais nos esclarecem que este processo de "limpeza psíquica" já se iniciou na Terra e que muitos de nossos irmãos que desencarnam hoje já não retornarão a encarnar neste planeta.

Perceba que o processo de transformação planetária já se iniciou - e terá seu auge por volta de 2060 segundo o espírito Emmanuel - e não estão ocorrendo os cataclismos e a destruição que tanto temes.

O Tão falado "planeta X" / "planeta chupão" / Marduk / Nibiru / Hercólubus que as culturas ancestrais comentam, bem como o final do calendário Maia, ao meu entender representam uma simbologia "mística" / "esótérica" para este momento que vivemos agora: um momento de transição e transformação onde haverá um imenso deslocamento espiritual de um planeta para outro(s).


Acredito, inclusive, que talvez seja realmente necessário um corpo gravitacional independente para levar estes espíritos em migração; mas que talvez este corpo gravitacional seja de origem fluídica / energética; ou talvez até um cometa ou um planetoide que passe "próximo" à Terra (astronomicamente falando); porém sendo antes um meio de transporte interestelar do que representando um perigo de extinção para a vida na Terra - até porque se Deus enviasse um planeta para que acabe com a vida na Terra em momento de transição, então para que fazer a transição? Compreende?

Decerto que o homem não tem auxiliado muito o aspecto de conservação e deterioração do planeta; ampliando as características e as causas para os cataclismos correntes; Assim como também o homem cria para si o risco de extinção quando tem em suas mãos artefatos de destruição em massa que poderiam destruir a vida no planeta mais de 10 vezes seguidas... Entretanto estes são fatores que dependem do "livre arbítrio" da humanidade e que, como humanidade, teremos que expiar a seu tempo.

Kardec afirma ainda que "as maiores perturbações ainda serão causadas pelos homens, mais do que pela Natureza, isto é, serão antes morais e sociais do que físicas". Evidenciando o aspecto de evolução moral dos habitantes do planeta, o que automaticamente transformará o aspecto da Terra de "provas e expiações" para "regeneração" - poderemos encontrar um estudo espetacular sobre os níveis planetários em "o evangelho segundo o espiritismo" capítulo 3.
O espiritismo nos traz ainda esclarecimentos onde  poderemos perceber que esta teoria do planeta X não encontra respaldo; bastando para percebermos isto a análise do livro "A Gênese", no seu capítulo 9, nos ítens 13 e 14 especialmente. Transcrevo abaixo alguns trechos deste capítulo para uma melhor análise: "Deve-se igualmente lançar ao rol das hipóteses quiméricas a possibilidade do encontro da Terra com outro planeta. A regularidade e a invariabilidade das leis que presidem aos movimentos dos corpos celestes tornam carente de toda probabilidade semelhante encontro." e completando o estudo acho indispensável a leitura de "O Livro dos Espíritos" questões 728 a 741 e, porteriormente 172 a 188.

Muito embora estas afirmações espíritas não queiram significar que a Terra não vai passar por ajustes geológicos e suas consequências - isto é natural do nosso planeta - e certamente estes ajustes serão utilizados pelos espíritos evangelizados como ferramenta de limpeza para os que necessitem desencarnar; mas percebamos que isto já acontece desde sempre até agora.

Ao final, minha irmã, acredito que o seu medo seja também justificado pelo receio de sofrer ou de algum de seus familiares passar por sofrimento. Receito de perder entes queridos ou de desencarnar e talvez não ser permitido o seu retorno à Terra. E te digo, particularmente, que estes são medos e receios que todos nós temos mas que não se ampliam por conta deste mito "2012". São medos naturais do ser humano.

Para tentar aliviar o medo que naturalmente sentimos, querida irmã, nada melhor do que trabalharmos o mais e melhor que pudermos pelo nosso crescimento espiritual e pelo bem de nosso próximo; seguir o exemplo de Jesus e buscar a transformação íntima, vencendo, na medida do possível, nossas imperfeições e limitações.

Assim, certamente, teremos a tranquilidade de termos feito o melhor de nós quando formos convocados a nos apresentarmos no mundo espiritual, seja por um desastre ou por um desencarne tranquilo.

Não sei se respondi o que desejava e espero ter sido de alguma ajuda.

Paz contigo.


Nenhum comentário:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...