Tumor Cerebral e alterações de personalidade - Perguntas dos Amigos

Boa Trade,
Minha amiga tem uma irmã com câncer na cabeça e quando foi ao hospital visitá-la sentiu como se a irmã fosse outra pessoa, a olhava estranho e falava coisas que não tinha muito sentido. Sei que o problema dela pode ter afetado alguma coisa no cérebro e por isso ela esta agindo assim. Mas me bateu a duvida, será que não é um problema espiritual? Ela ficou olhando minha amiga como se estivesse a perseguindo. Um olhar diferente.. Não era ela. Eu fiquei com essa duvida, sera que tem alguma coisa ligada com espiritismo ou não ?
Desde já, agradeço a atenção.


Prezada _________, bom dia.

Os problemas de ordem física no aparelho cerebral podem muitas vezes afetar determinados locais onde se processam os sentidos, memórias, senso de realidade e muitos outros; por isso é bastante provável que o problema de sua amiga esteja relacionado ao processo clínico que está passando. entretanto devemos perceber que normalmente este tipo de processo se apresenta de forma gradual - na medida da progressão do tumor, e normalmente é identificável pelos médicos que estão cuidando do caso.

O aspecto espiritual PODE existir; mas teria que ser necessário para isso que a sua amiga estivesse em um processo de fraqueza clínica, onde o corpo físico estivesse enfrentando um quadro de degeneração, fraqueza, inanição ou amortecimento, para que o seu espírito estivesse em um estado de maior liberdade do corpo físico e, consequentemente, apresentando uma maior sensibilidade.

Entretanto em casos assim o mais comum é a súbita aquisição de uma "vidência" que não existia antes, permitindo ao paciente interagir visualmente com o mundo espiritual a sua volta; embora a capacidade de psicofonia não pode ser descartada como uma das possibilidades, mesmo não sendo muito comum.

Outro aspecto que PODE ter sido despertado são as memórias perispirituais e assim, pode acontecer, que uma das personalidades vivenciadas por esta sua amiga em existências anteriores pode emergir e interagir com o mundo a sua volta, através dela mesmo, com  maior ou menor liberdade, de acordo com o fator físico que der origem ao evento. Em casos assim poderíamos classificar esta pessoa como médium de sí mesma - para facilitar o entendimento.

De qualquer forma deve ser utilizado sempre a maior paciência, compreensão e fraternidade possíveis para com ela, pois em seu estado psico-físico é merecedora e necessitada de muito amor e atenção.

Espero ter sido de alguma ajuda.


Nenhum comentário:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...