Perguntas diversas dos Amigos


Obrigação de trabalho na Casa Espírita

Meu nome é ______________, sou espirita faz ______ anos, de ______ a _______,fui dirigente de uma casa espirita. Assim q eu sai, a casa foi fechada por pessoas de má fé. Passei a frequentar a casa, q o Presidente é q me colocou na Doutrina. Na casa não tem frente de trabalho. E eu estou perdendo a vontade  de ir. Ao mesmo tempo eu devo muito favor ao pessoal da casa e ao Presidente. Tambem parei um pouco de ir, porque o presidente me cobra pra fazer palestra e eu não gosto de falar...eu gosto de ser voluntária na sopa..O SR. Acha que eu devo fazer?



Prezada Irmã, bom dia.

Não devo opinar quanto a decisão que deve tomar, pois isto é um assunto de cunho pessoal e cabe apenas a você decidir.

Entretanto, posso dar a minha opinião sobre o processo geral, sem me ater a seu caso específico.

Acredito eu que na casa espírita nada deva ser imposto ou obrigatório; bem como ninguém deve ser constrangido a fazer nada que não deseje.

Isto é a base de nosso livre arbítrio dado por Deus e também o princípio de caridade, fraternidade e voluntariado inerente a Doutrina - pois não recebemos ou cobramos para nada.

Em situações assim o melhor a fazer é utilizar o diálogo franco e sincero, expondo os prós e os contras e evidenciando o desejo que temos ou não de efetuar determinados trabalhos. Acho que mais vale um trabalho simples, sincero e feito de coração do que um maior mas sem vontade.

Entretanto não acredito que este seja motivo para seu afastamento da casa; pois se se sente bem nesta casa deve permanecer nela. E se não deseja realizar determinado trabalho, certamente poderá encontrar ou criar outros que goste e com os quais se identifique.

"A Seara é imensa" já dizia Jesus. Podemos nos ajustar aos serviços que nos são apresentados e realizar os quais nos sintonizamos mais; o importante é trabalhar no bem.

Espero ter sido de alguma ajuda.

PAz contigo.


Dúvida sobre qual religião escolher

tenho dúvida sobre a minha vida espiritual não sei qual devo seguir me ajude a encontrar; frequento todas elas não consigo me identificar com uma delas


Prezado ______, bom dia.

Perceba, meu irmão, que não cabe a mim ou a qualquer pessoa orientar a escolha religiosa que você deve tomar. Este deve ser um caminho seu e a escolha é apenas sua.

Acho, entretanto, que como se encontra em dúvidas, o mais acertado é frequentar e estudar as opções que se apresentem de forma a encontrar aquela que estará em sintonia com seus desejos/convicções.

Perceba que quando digo "frequentar" não me refiro a ir apenas uma vez e nunca mais voltar lá; mas sim frequentar durante algumas semanas as reuniões, para poder conhecer várias das atividades, conceitos, crenças e práticas desta religião - sem a necessidade de se converter obrigatoriamente.

Com o conhecimento virá, no tempo e local certos, a sintonia que você busca; é sempre interessante, porém, saber - ou ter uma idéia - do que se deseja e/ou acredita antes de iniciar esta busca; pois assim vai mais dirigido onde possa encontrar aquilo de que sente necessidade.

Espero ter sido de alguma ajuda.

PAz contigo.

Sonhos e Mediunidade

Bom dia, navegando pela internet em busca de algumas respostas, achei seu blog.preciso de uma ajuda, tenho me sentido sem rumo. Sou kardecista por conviçcao,tenho pesadelos frequentes, em forma de avisos, sonhos, repetidos em uma mesma noite, e minha vida simplesmente quase não vai adiante, sou médium. Uns falam que enquanto eu não desenvolver minha mediunidade as coisas não fluirão.preciso de uma ajuda por favor.Ajudo a todos que passam pelo meu caminho, mas preciso de ajuda. Vezes acordo muito cansada.Obrigada por ler meu email. tenha um ótimo dia, que os anjos te acompanhe


Prezada _________, bom dia.

Na busca pelo norte de nossas vidas muitas vezes vamos nos encontrar assim como você está... são momentos de indecisão ou de fala de objetivo, como se um vazio nos preenchesse. Observando este sentimento chego a conclusão que somente poderá ser eliminado com o preenchimento deste "vazio".

Este preenchimento, entretanto, não deverá ser com atitudes, hábitos ou sentimentos despropositados - desregramentos, excessos, desvios de conduta, etc; mas com atividades que serão enobrecedoras da alma e engrandecedoras e produtivas a nós mesmos e ao próximo.

Buscar se envolver em atividades de apoio, consolo, trabalhos voluntários, estudos e esclarecimentos, irá ser de grande valia para você neste momento.

Ocupemos nossas mãos e mentes em ações úteis e veremos este sentimento desaparecer rapidamente. Gradualmente ao nosso comprometimento sincero e vontade de amadurecer e auxiliar.

Sonhos são o canal mais fácil que a espiritualidade se utiliza para comunicar-se conosco; é o momento em que estamos "libertos" do corpo carnal e mais acessíveis; por este motivo - caso renha realmente sensibilidade mediúnica - você pode estar mais sensível por este canal.

Esta sensibilidade, inclusive, é um grande indício que esta possível mediunidade esteja desequilibrada; e necessitada de equilíbrio e orientação.

Isto poderá ser conseguido através do estudo sério em casa espírita bem orientada, da oração e da prática do amor ao próximo.

Sempre entendi esta imposição tipo "tem mediunidade tem que trabalhar" como um grande erro de interpretação, orientação ou estudo; pois caso fosse assim a mediunidade seria uma "praga" que Deus teria colocado no mundo para prejudicar os médiuns.

Entendo, entretanto, que o médium tem OBRIGAÇÃO de estudar e conhecer sua mediunidade, suas capacidades e suas inclinações; pois somente assim poderá ter controle sobre suas faculdades e manter a harmonia necessária com as energias fluídicas que o cercam e as influencias exteriores e interiores.

Conhecer sim; trabalhar se quiser; fazer o bem sempre; é assim que entendo a necessidade de vida de um médium.

Busque orientar sua vida através da dedicação sincera a uma causa de amor, estude sua mediunidade e recupere seu equilíbrio através do amor ao próximo; assim estará no caminho que nos leva sempre a vitória - o caminho de Jesus.

Espero ter sido de alguma ajuda.

Paz contigo.


Ansiedade e Desejos

Amigo João
Eu era até pouco tempo muito ansiosa queria que todos e todas as coisas fossem do meu jeito, muitas das vezes ficava angustiada porque não era do meu jeito mandava, reclamava que tinha hora que não entendia porque tantos descontroles emociomais. Gostaria de compreender como e por que acontecia isso comigo? 



Minha irmã, bom dia.

Não pense que você é a única a sentir este tipo de ansiedade, desejos e frustração. Isto é tão comum quanto o ato de respirar.

Nós, os seres humanos, sempre alimentamos dentro de nós a ideia que somos os preferidos do mundo e que o universo tem que se curvar a nossas vontades, satisfazendo todos os nossos desejos; e quando não acontece nos revoltamos e nos irritamos, muitas vezes acusando a vida de injusta.

Tudo isto faz parte do processo de amadurecimento do espírito, que tem obrigatoriamente que passar pela sua "infância" espiritual - onde nós estamos - para poder evoluir.

Estes sentimentos demonstram o quanto ainda estamos apegados aos desejos e a satisfação de nossas vontades, ao invés de aceitarmos a vontade Dele - como oramos no Pai Nosso - demonstram o quanto ainda somos egocentricos e incompreensivos e o quanto ainda teremos que trabalhar para vencer estas nossas limitações.

Mas nunca pense que você é a única... todos somos assim.

A medida que a vida vai nos "experimentando" e vamos iniciando a compreender que nem sempre é do jeito que desejamos, mas do jeito que deve ser, vamos amadurecendo nossas reações e nossos pensamentos e sentimentos, até que um dia - que não está perto - poderemos utilizar esta compreensão para auxiliar os outros.

Até lá vamos nos mirando nos exemplos de Jesus e tentando seguir os seus passos de amor, caridade, resignação e compreensão que estaremos no caminho certo.

Paz contigo.

Oração e Livre Arbítrio

olá,já fui respondida uma vez por isso surgiu uma duvida e como sei que serei respondida agradeço desde ja a atençao.Assistindo o programa transiçao sobre espiritos protetores,que eles estão sempre conosco mas não interferem em nosso livre arbitrio,como fica orar pelo anjo da guarda dos outros,não resolve se o livre arbitrio deles está em questão,como essa ajuda funciona ou cada um tem que rezar por si


Prezada Irmã, bom dia.

O livre arbítrio de cada um de nós é sempre senhor de nossas decisões; é a ferramenta que Deus nos deu para que usemos a nossa liberdade de escolha da maneira que melhor acreditarmos.

Os espíritos protetores de cada um fazem o possível para nos orientar para o bem, enviando boas influencias e ideias sobre nossa mente e corações. Entretanto a sua influencia terá  maior ou menor sucesso dependendo de nossa sintonia interior - quanto mais sintonizados no bem e no amor maior será a nossa percepção e recepção destas influencias benéficas; ao contrário teremos maior abertura para influencias deletérias.

A oração pelo outro sempre é benéfica e sempre atinge seu alvo; entretanto a sintonia do outro será, novamente, fator primordial para receber ou não as energias fluídicas enviadas pela oração.

Nos casos em que os encarnados escolhem e sintonizam com o mal e o sofrimento, as energias e os espíritos protetores sempre permanecem a espera, aguardado uma oportunidade de sintonizar com o protegido e tentar auxiliá-lo a eliminar as influencias negativas.

Entretanto, para que tenham sucesso, será necessário a decisão do indivíduo de querer ser ajudado; pois assim como a lei da causa e efeito, o livre arbítrio é supremo em nossas vidas.

Espero ter sido de alguma ajuda.

Paz contigo.

Espírito pode agredir fisicamente? 
 

gostaria de saber, como um espirito nos agredir fisicamente, se estamos encarnados, dia desses apos buscar ajuda nun centro espirita para um irmão meu que e usuario de drogas, acordei no meio da noite com uma voz masculina que falava coisas que eu não conseguia entender e ao mesmo tempo deu me um soco na perna que despertei sentindo o soco,associei a agressão ao fato de eu ter buscado ajuda em uma casa espirita.obrigada e boa noite


Prezada ________, bom dia.

Allan Kardec, em "o livro dos médiuns" cap. 1 e 2, estuda profundamente sobre a ação dos espíritos sobre a matéria e esclarece que é possível a interação d espírito desencarnado com um fluido existente em médiuns de efeito físico, chamado ectoplasma, que permite a interação entre o mundo espiritual e o físico.

Alguns espíritos tem maior conhecimento do processo, outros realizam inconscientemente, mas é possível.

Entretanto acho que talvez neste caso tenha acontecido outro processo.

Durante o sono físico nós desdobramos em espírito e entramos em contato direto com o mundo espiritual e seus habitantes; é muito provável que em um momento destes você possa ter interagido e sido agredida por um dos espíritos que desejam prejudicar ou se aproveitar de seu irmão, e neste momento tenha "retomado" de súbito o corpo - resposta instintiva do espírito - e trazido a sensação e os efeitos sobre o perispírito.

Estes efeitos, para que sejam sanados, tem que ser somatizados e são absorvidos pelo corpo, daí o aparecimento de dores e, as vezes, até hematomas.

Reações assim são muito comuns em tratamentos espirituais - especialmente quando a pessoa que está sendo tratada tem pouca força de vontade - o que não é muito comum é o efeito físico do processo de agressão espiritual, o que pode indicar você como possível médium de efeitos físicos - mas não estou afirmando nada.

Continue o tratamento do seu irmão e sempre que possível envolva o mesmo no processo ativamente, fazendo que participe das reuniões, orações, evangelho e passe; pois isto será de grande importância para fortalecê-lo e afastar os espíritos sofredores.

Espero ter sido de alguma ajuda.

Paz contigo.
 

Sonhos com relações sexuais

sonho direto que estou tendo relações sexuais com espiritos imperfeitos por que?


Prezado _________, bom dia.

Perceba, meu irmão, que os nossos sonhos normalmente são influenciados por nossos atos, hábitos, desejos ou pensamentos; bem como podem também ser fruto de nossas experiências quando em desdobramento espiritual pelo sono físico.

Desta forma acredito que você deva realizar uma análise de que tipo de pensamentos, atitudes e ações tem praticado; pois elas serão o fator principal que vai definir sua sintonia espiritual.

Quanto mais enobrecedora, harmonizada e pautada no evangelho for sua vida, mais alta será a sua sintonia e estará em mair contato com os amigos espirituais evangelizados e teremos "sonhos" ou lembranças evangelizadas.

Ao contrário, quanto mais sensações, vícios e erros praticar, mais baixa será a sua sintonia e estará em contato com os sofredores espirituais que utilizarão este contato para sugar suas energias e interagir cada vez mais com você; muitas vezes estes "sonhos" são lembranças de visitas que recebemos durante o sono físico.

Após observar seus hábitos, poderá identificar em que faixa de sintonia se encontra e, caso ache que deva tentar alterar esta faixa, pode buscar auxílio em uma casa de oração, nos ensinamentos de Jesus, na prática do bem e da oração e na reforma de si mesmo.

Espero ter sido de alguma ajuda.

PAz contigo.


Nenhum comentário:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...