Tratamento Espiritual - Perguntas dos amigos ...

Bom dia comecei hoje a ler a página, e gostei muito da energia. As minhas dúvidas são várias, estou em tratamento espiritual há sete semanas restando mais duas para acabar. No começo me senti muito bem, mas nas últimas semanas, estou me sentindo muito para baixo, pensamentos negativos, nem aqueles altos e baixos de humor e otimismo estou tendo ultimamente, a energia negativa de pensamento esta prevalecendo. Além do tratamento estou tomando uma mistura homeopática prescrita por mentores, assim me falaram. Na entrevista me disseram algumas verdades sobre mim, e realmente percebi que aquelas palavras eram corretas e tudo de ruim que eu trazia da minha personalidade deveria ser mudada, a reforma íntima que tanto vocês falam, eu deveria e devo fazer, percebi como devo melhorar como pessoa, e algumas coisas da minha personalidade me deixaram até envergonhado, me disseram também que tenho mediunidade e tenho que desenvolve lá. Nos estudos não me sinto bem, primeiro por não concordar com a forma que é ensinada a doutrina, acho que a didática utilizada pelo professor para mim não resolve muito, explica de uma forma muito ampla e pouco objetiva, e as perguntas dos alunos também não ajudam, no final fica tudo uma bagunça na minha cabeça, e quando estou no estudo sinto que não sou médium ou tenho mediunidade, que não deveria estar lá, junto com aquelas pessoas. Estou buscando leituras em casa ou pela net, os livros que dizem ser os ancoras da doutrina, os do Kardec. Não sinto essa mediunidade principalmente quando vou na casa de orações, não sinto essa energia que dizem que lá tem, até nos passes não sinto nada, e hoje não sei se esse é o caminho correto a seguir. Melhorar como ser humano, sei que tenho que melhorar, tenho essa consciência e quero melhorar, mas mesmo eu seguindo todas as orientações, fazendo tudo certo, me esforçando não vejo a melhora, não quero a melhora financeira, melhora material, estou buscando paz, buscando a felicidade das coisas ótimas que estão me acontecendo e que eu não consigo sentir, mesmo sabendo e vendo as graças recebidas que são muitas, não tenho a alegria. Não sei se conseguir ser claro, o texto ficou longo, mas senti uma vontade de escrever aqui, e espero que você possa me dar uma palavra, que essa energia que senti quando entrei aqui, possa vim através de suas palavras. Fica com Deus.
Querido irmão, bom dia.

O trabalho de evangelização de nós mesmos é sempre longo; estende-se por inúmeras reencarnações até que possamos nos encontrar lapidados o suficiente para retornar o caminho e ensinar aos nossos irmãos em caminho.

Por este motivo não se cobre demais ou não se julgue "imperfeito" demais. O mais importante você já descobriu: a necessidade de realizar a sua melhora íntima.

A busca deste objetivo vem sempre acompanhada de pedras e de tropeços - muitos dos quais nós mesmos atraímos para nossa vida - e alguns deles são representados por espíritos sofredores - nossos irmãos - que ao perceberem que estamos tentando melhorar, tentam eles, por sua vez, nos influenciar negativamente para que desistamos de nosso objetivo. Esta é uma grande possibilidade de ser a origem do seu desânimo, pensamentos negativos e variações de humor.

São a criança de quem estamos tomando o pirulito e ela não quer desistir dele. É o menino que tem um brinquedo e quando tiramos dele ele faz de tudo para recuperá-lo. Assim são os sofredores espirituais quando iniciamos um tratamento espiritual, pois que não desejam perder a influencia que tem sobre nós e se esforçam para "piorar" a situação, tentando nos fazer desistir.

O melhor tratamento para isto, meu irmão, é a fé, a oração e a persistência. Mantenha acesa a chama da fé e da determinação e, com o tempo, estes sintomas irão diminuindo e desaparecendo gradualmente.

Não se preocupe com os aspectos "mediunidade", "desenvolvimento" e coisas assim - tudo tem seu tempo.

O melhor agora é que você se concentre no seu processo de tratamento e na busca pela sua evangelização íntima. Atingir o equilíbrio espiritual/psiquico agora é o seu objetivo.

E, embora o centro que frequentas certamente seja bem direcionado e orientado, acredito que um dos melhores caminhos para a harmonia é trilhado através do conjunto oração, estudo e caridade.

Faça da oração sua companheira constante e busque continuar seus estudos de forma agradável e tranquila - Se as perguntas realizadas não lhe satisfazem faça as suas próprias, se as respostas não são suficientes busque mais longe.

Acho muito importante a frequencia em uma casa de oração pois que é o momento de "brilharmos nossa luz" juntamente com outros pequenos fósforos e assim dividirmos o que temos, doando e recebendo sempre mais.

Mas acho imprescindível que participe de campanhas sociais de amparo e auxílio aos mais necessitados e carentes. É através destes atos e nestes momentos que você irá preencher este "vazio" que ainda traz em seu peito com um produto chamado "amor".

Doe de você: seu tempo, trabalho, esforço, dedicação, coração, etc. E verá que maravilhas o amor em ação pode fazer por cada um de nós.

Em espiritismo não devemos ter pressa de aprender ou de trabalhar... tudo vem a seu tempo e a cada um será dado e cobrado de conformidade com os esforços e merecimentos individuais.

Por este motivo dedique-se a busca do seu equilíbrio e o mais virá oportunamente.

PAz contigo.

Nenhum comentário:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...