Um espírito amigo - livro 2 - mensagem 08

Apesar dos que vão adiante,
não esqueçamos dos que caminham conosco
ou dos que estão atrás de nós.

Sempre poderemos ficar tristes e apreensivos, 
se nos compararmos com os que estão onde ainda não chegamos.

Entretanto, sempre teremos oportunidade de partilha e ensinamento,
trabalho e crescimento,
se nos concentrarmos
nos que caminham conosco
ou que necessitam de nosso exemplo,
por saberem ou poderem menos que nós mesmos.

O nosso nível,
embora muito longe da almejada perfeição,
pode ser ferramenta de apoio
para todos os que de nós precisarem,
como amigos, professores e irmãos.


Um espírito amigo - livro 2 - mensagem 07

Da luz que brilha no centro do ser
não temos senão a sombra escura
que nos leva, sem dó,
na estrada longa e dura.

Da dor que habita dentro de nós,
não temos senão a sensação primeira
que nos mostra, invariavelmente,
a ferida aberta, mesmo que não queira.

Do grito de socorro que clama em nossa voz
não temos senão o som do eco distante
que nos lembra, levemente, o que necessitamos
mas que não nos mostra como ir adiante.

Da esperança que habita em nossos sonhos
não temos senão o que dela criarmos
pois que ela aumenta e cresce, sempre mais,
a medida que mais e mais amarmos.

Um espírito amigo - livro 02 - mensagem 06

É de todos os momentos o pensamento no amor.

É de todas as horas o pensamento no bem.

É de todos os minutos o pensamento de gratidão ao Pai...

Entretanto, todos temos a hora de observar
e verificar dentro de nós
o que trazemos de culpa, erro e dor...

Para que no momento certo
possamos usar isto como combustível
à nossa vontade de mudar;

E mudar quando sentirmos
que é o momento acertado.

Não esperemos que o Pai venha nos dar a ordem.

Não esperemos que venham apontar o caminho.

Não esperemos que venham nos dizer o que fazer.

Todos sabemos disto
desde muito antes de encarnarmos
apenas estamos nos lembrando do necessário
para que possamos seguir em frente
no caminho maior da busca de nossas vidas..

Um espírito Amigo - livro 2 - mensagem 05

Não é pelo caminho da dor
que encontraremos a absolvição dos erros
nem o redimir de nossas faltas.

Não é pelo caminho da dor
que levaremos ao faminto o alimento
ou ao sedento a bebida.

Não é pelo caminho da dor
que transformaremos tragédia em vitória
ou que levaremos o caído a glória.

É apenas pelo caminho do amor
que poderemos modificar o mundo,
agindo de forma ativa
e participando de forma simples,
porém sincera,
da reconstrução do amor do homem
neste mundo tão material.

Dá um pão;
Leva, ao que necessita, um copo com água;
Dá uma palavra de conforto;
Ampara a queda e alivia a dor do joelho do caído.

Faça. Simplesmente faça...

E o Pai estará contigo nestes momentos.


Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...