Um Espírito Amigo - Livro 7 - Mensagem 04

Nos olhos que vejo no espelho

não vejo lampejo de luz,

não vejo brilho, nem cor.


Nos olhos que vejo no espelho

encontro apenas desespero,

rancor, dor e desamor.


Os olhos que secos estão,

já choraram o que podiam.


Pranteando a solidão

pelos que não ficavam, e iam.


Até o momento sublime

em que aprendi a lição.


É em nome da vida eterna

que os que estão vivos se vão.


Viver em outra esfera

aprender, amar e crescer.


É o que nos espera

e não podemos esquecer.

Nenhum comentário:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...